Atraso salarial deve complicar atendimento de pacientes no PS da Antena em Taboão

Por | 25/10/2012

Ainda é crítica a situação da saúde no município de Taboão da Serra. Denúncias encaminhadas ao Jornal na Net apontam que o atraso de mais de três meses do pagamento dos salários dos ortopedistas, médicos e técnicos de radiologia promete complicar ainda mais o atendimento dos pacientes que buscam por especialistas que trabalham no Pronto Socorro Municipal da Antena.

O Blog Bar e Lanches, afirma em matéria divulgada nesta tarde que os profissionais ameaçam cruzar os prazos e que o Pronto Socorro Akira Tada também pode ter problemas nos seus setores de ortopedia e raio-X – veja mais aqui. Ainda de acordo com as denúncias o vale refeição dos funcionários e especialistas do PS Antena também está atrasado, no mesmo período que os salários.

Queda do gesso

A queda de uma parte do gesso que revestia o forro do saguão de espera para classificação de risco do PS da Antena, no último sábado, também relatado pelo Jornal na Net, até o momento continua sem conserto. Os pacientes usam o local, como se nada tivesse acontecido, segundo apurou a reportagem.

O PS da Antena é de responsabilidade, da Organização Social, Iacta Saúde. Que em primeiro contato com a reportagem resumiu o ocorrido, afirmando que ninguém havia se machucado na queda, que o gesso já havia sido retirado para a colocação de um novo e que uma cotação de preços para os reparos já havia iniciado.

Uma leitora do site, que não quis se identificar, por medo de represálias afirmou que um funcionário, sem os devidos equipamentos de segurança, enquanto retirava o gesso sofreu uma queda e machucou seu nariz.

Desde a última terça a reportagem tenta contato com a organização, mas não obteve retorno até o fechamento da matéria.

Defasagem de médicos

A defasagem de profissionais como no quadro de especialidades, de Clínico Geral, por exemplo, nas Unidades Básicas de Saúde (UBSs) já foi relatada anteriormente pelo Jornal na Net – relembre aqui. O portal também apontou possível atraso no pagamento das contas de luz na UBS do Parque Pinheiros e de água, no Samu do município – veja mais aqui.

Na ocasião a Secretaria da Saúde informou que está substituindo gradativamente os médicos das Unidades Básicas de Saúde contratados através da Fonseca Amorim por profissionais concursados, tomando-se o cuidado para não haver prejuízo para a população.

Com relação às contas de luz, a nota oficial afirmou que não procede a informação de que o fornecimento de energia será cortado. E ainda ressalta que todas as contas da Prefeitura estão sendo regularizadas, inclusive as contas de água do SAMU.

Escândulos envolvendo a Iacta Saúde

O contrato de R$ 34 milhões por ano entre a Prefeitura de Taboão e a organização social, Iacta Saúde é considerado suspeito e está sob investigação no Ministério Público – relembre aqui. A última aparição de representantes da Iacta Saúde se deu na prestação de contas da organização, em uma audiência pública realizada em maio deste ano.

Na ocasião, a Iacta Saúde apontou que dos R$ 12,3 milhões devido na época, a prefeitura era responsável pelo não pagamento de quase R$ 9 milhões deste valor – relembre aqui.

Comentários