Policial taboanense concorre ao 6º Prêmio Polícia Cidadã com projeto de redução de roubos

Por Direto da Redação do Jornal na Net | 16/10/2014

O policial taboanense Luis Fernando Ferreira, há 10 anos morador de Taboão da Serra, desenvolveu um projeto de investigação que culminou na prisão e condenação de dezenas de criminosos, dentre elas a ação de destaque foi da quadrilha denominada como 'gangue dos playboys', especializada em sequestro-relâmpago, que atuavam em bairros nobres de São Paulo. As prisões efetuadas nesse projeto foram feitas por intermédio da compilação de dados de ferramentas de pesquisas da Polícia Civil à redes sociais, que contou com apoio da Policia Militar.  

Policial há 22 anos Luis Fernando Ferreira, atualmente encarregado do Centro de Inteligência Policial da Seccional de Diadema e em Taboão foi Chefe do Garra de 2002 a 2004. Ferreira disputa entre os finalistas do 6º Prêmio Polícia Cidadã, com o projeto "A modernização da investigação e a efetiva redução de roubos através do ambiente virtual".

Por meio do Instituto Sou da Paz, ligado a Secretaria de Segurança Pública, a ação que teve inicio em 2011 e teve como ponto chave as investigações de crimes de sequestros relâmpagos nos bairros do Brooklin, Campo Belo, Monções, Vila Olímpia e Moema, conhecidos como bairros nobres da capital. O caso da "Gangue dos Playboys" teve grande movimentação na grande imprensa que divulgou as prisões e condenação de 30 acusados por praticarem mais de 40 crimes. 

gangue_play

Rapazes presos e condenados da gangue dos playboys. 

O projeto vem com o objetivo de que com ações de inteligencia da polícia mostrar que é possível desvendar e elucidar os principais crimes, ter grandes quadrilhas desfeitas e os integrantes presos e condenados pelos crimes cometidos contra a população. 

Nesta 6ª edição a votação acontece até o dia 30 de novembro e tem como objetivo central premiar e sobretudo reconhecer ações que tenham direcionamento para a redução de roubos, crime que apresenta altos índices e colide diretamente com a segurança da população. O projeto do policial Luis Fernando, pode ser votado pelo site do Instituto Sou da Paz - aqui. O projeto já está em 2º lugar com 16% dos votos populares. A premiação acontecerá no dia 10 de dezembro, no Theatro Municipal de São Paulo.

Comentários