Alagamento no KM 285 causa enchente no Condomínio Estância do Lar em Itapecerica da Serra

Por | 21/01/2010

O temporal que caiu durante a noite desta terça-feira, 19 e a madrugada desta quarta-feira, 20, deixou as casas dos moradores do Condomínio Estância do Lar, no Jardim Itapecerica atrás da Policia Rodoviária, na BR KM 285 cheias de água.

Moradora do local há 15 anos, Renata Urbina deslocou-se ao Parque Paraíso no local onde ocorreu o deslizamento de terra e que causou a morte da idosa de 70 anos para pedir ao Cleber Bernardes diretor de obras e funcionário da prefeitura para acompanhá-la até o local para encontrar uma solução parcial para o bairro.
Em companhia de Cleber e funcionários da Defesa Civil os moradores mostraram a sua indignação perante o alagamento.

Renata acredita que a única maneira desse problema ser resolvido é canalizar para a água ir direto para o rio. Ela explica que essa enxurrada de água acontece porque toda a água vem do bairro Vila Genni e como não tem canalização à mesma passa pelo aterro e invade todas as casas. “A canalização precisa ser completa falta 30 metros de tubo”, afirma ela.

O condomínio conta com 50 casas de médio porte. A defesa civil afirma que o local não é área de risco.

Renata conta que quando tem enxurrada as crianças pegam suas pranchas e surfam na água e andam de bote salva vidas para se locomover na rua.
“Durante todos esses anos essa é a segunda vez que a água invade a rua inteira e também as casas”, relatou.

Cleber explicou as medidas que irá tomar para conter a correnteza no bairro “Até às 13h a contenção do rio será feita, essa contenção é para evitar que a enxurrada que vem da BR 116 invada o bairro”, garantiu Cleber.

Cleber Bernardes afirmou que assim que água abaixar ele tentará fazer uma obra definitiva que é canalizar todo o rio Embu mirim.

De acordo com a Defesa Civil essa solução não poderá ser feita somente com o aval de Itapecerica da Serra, mas também com o apoio de Embu e Taboão da Serra.

 

itap2.jpg

itape.jpg

itapee.jpg


Comentários