Ely Santos deixa cargo de deputada federal após titular que se afastou voltar

Por Natália Bassi | 11/03/2022

Ely Santos, a primeira mulher da região a ocupar uma cadeira na Câmara dos Deputados, deixou o cargo após 04 meses. O motivo da saída que aconteceu na última quinta-feira, 10, foi o fato do seu titular, o deputado Roberto Alves, ter voltado após se ausentar por problemas de saúde.

No site da Câmara dos Deputados, na área de Histórico de Movimentação Parlamentar, consta a informação da saída de Ely para a volta de Roberto Alves que reassumiu o seu mandato.

Ely, que ficou 120 dias no cargo trabalhou pela região sudoeste no período em que ocupou a cadeira na Câmara dos Deputados. 

A então parlamentar enviou emendas para Taboão da Serra, Embu das Artes, Itapecerica da Serra Embu-Guaçu, São Lourenço da Serra, Juquitiba e Cotia que somadas deram R$3 milhões.

Além disso, durante sua curta passagem, ela participou de votações importantes, como a aprovação do Auxílio Brasil e da Lei Paulo Gustavo.

Nesse período, ela também apresentou 3 Projetos de Leis. Entre eles, o que obriga os municípios com mais de 100 mil habitantes a terem um abrigo para os idosos.

Ely foi eleita suplente após receber 49.426 votos nas eleições de 2018.

 

Comentários