Poxa, Monark!

Por Milena Reis - Colunista | 11/02/2022

Nessa semana, um assunto tomou conta das mídias, pois um comentário vindo de Monark ex-apresentador do Flow podcast, durante uma apresentação ao vivo, no qual afirmou que achava que deveria haver um partido nazista reconhecido pela lei, gerou revolta e indignação dos internautas.

Considerada por muitos como uma alegação antissemita. O assunto reverberou rapidamente se tornando trend topics no twitter, com mais de 549 mil menções só na plataforma, sendo comentado até no jornal nacional posteriormente.

Mas, se você ainda não conhece o podcast e muito menos o Monark, permita que eu lhe apresente, o Flow podcast é um podcast brasileiro fundado em 2018 por Bruno Aiub (Monark) e Igor Coelho, hoje um dos maiores em audiência do país, que conta com entrevistas realizadas com, políticos, influenciadores digitais, entre outras celebridades.

Após, as declarações o Flow perdeu 17 anunciantes do podcast, então em seguida Monark postou um vídeo em sua mídia social, se desculpando e afirmando que estava bêbado no dia.  Porém, não é a primeira vez que Monark, diz algo sem sentido e preconceituoso, que se dissemina negativamente, e dessa vez os internautas não toleraram.

Sendo assim, isso abre uma outra reflexão, sobre a impulsividade, segundo o dicionário esse é o significado de impulsivo: “Aquele que se comporta por impulso; que age sem reflexão; irrefletido.”   Disse tudo, sem reflexão, sem pensar, e é onde está o perigo, isso tanto em atitudes, como principalmente com as palavras, sabe aquela citação que diz “ a palavra tem poder”? , sim e muito poder, para o bem e para o mal.

Com esse caso, a principal lição que tiramos com o ocorrido, é sobre a importância de se pensar antes de falar qualquer coisa, pois as consequências de uma palavra dita que não pode voltar atrás pode ser irreversível, como foi o caso de Monark que por decisão de seu sócio, foi retirado do podcast, e também da sociedade da empresa o qual dividia com o também fundador Igor Coelho, que juntos anunciaram através de um vídeo em seu canal do Flow no Youtube a decisão, e que o podcast vai continuar suas atividades só que agora sem Monark.

Era notável, que Igor estava bem triste com o anúncio da saída de seu ex-sócio, pois construíram juntos um podcast que liderou entre os mais ouvidos do Spotify, e que devida a uma péssima declaração, o fizeram perder mais de 10 mil inscritos no canal em um curto espaço de tempo, e a solicitação de mais de 30 entrevistados para retirarem suas entrevistas do canal.

Esperamos, que com isso o Flow consiga se reerguer até por conta de seus funcionários, e pessoas que fazem parte da equipe que precisam de seus trabalhos para o seu próprio sustento, e que Monark reflita sobre suas afirmações, e procure mudar seus conceitos e amadurecer.

Para fechar, com chave de ouro vou colocar um versículo muito sábio do livro de provérbios, que foi escrito há milhares e milhares de anos atrás, e que faz total sentido até nos dias de hoje.

“A morte e a vida estão no poder da língua; o que bem a utiliza come do seu fruto.”

Provérbios 18:21

Até,

Comentários