Moradores do Jardim Pinheiros sofrem há mais de uma semana com acúmulo de água na BR

Por Natália Bassi | 10/02/2022

Moradores do Jardim Pinheiros, bairro que fica na divisa entre Embu das Artes e Itapecerica da Serra, estão sofrendo há mais de uma semana com o acúmulo de água na Rodovia Régis Bittencourt após as fortes chuvas. De acordo com as pessoas ouvidas pela reportagem, a água parada vem causando transtornos para quem reside na região. Com uma altura considerável, a água suja, que está parada há 08 dias, não tem para onde escoar. Questionada pelo Jornal Na Net, a Arteris afirmou que trabalha para desobstruir o sistema de drenagem na rodovia.

“Já tem mais de 08 dias e ninguém faz nada. Fica um empurra e empurra entre prefeitura e Arteris e ninguém resolve nada”, disse uma das moradoras que alega estar cansada da falta de respostas.

O problema, que se arrasta durante tanto tempo, vem causando outras consequências. Parte dos moradores que residem próximo ao local do alagamento, querem bloquear a entrada da Rodovia Régis Bittencourt no bairro para conseguirem sanar o problema.

A Arteris, responsável pela administração da via, alegou em nota enviada à reportagem que a empresa sempre se preocupou em fazer as manutenções periódicas na BR, porém, as fortes chuvas que caíram nos últimos dias comprometeram a funcionalidade de um dos bueiros. Além disso, o acúmulo de lixo, tornou a situação ainda mais difícil.

“As equipes de Conservação da Arteris Régis Bittencourt trabalham rotineiramente na conservação, limpeza e desobstrução das valas, bueiros e demais dispositivos de drenagem. Desde dezembro os serviços foram intensificados devido ao período de chuvas. Contudo, devido ao alto índice de precipitação da última semana, um dos bueiros de transposição, teve sua funcionalidade comprometida e a situação foi agravada pelo acúmulo de lixo. A concessionária tem atuado diuturnamente nesses locais visando a correção”, disse.

De acordo ainda com a assessoria de imprensa, na última terça-feira (08), “foi realizada nova operação e as equipes conseguiram desobstruir o local, deixando o dispositivo funcional”.

Há projeção de que nos próximos dias a situação esteja regularizada e a drenagem da rodovia volte à situação normal.

Comentários