Governo de São Paulo prorroga uso de máscaras até 31 de janeiro

Por Natália Bassi | 21/12/2021

O Governo do Estado de São Paulo anunciou a obrigatoriedade do uso de máscaras em espaços de uso coletivo até o dia 31 de janeiro. A medida vem para coibir, principalmente, a nova variante Ômicron, que tem maior potencial de transmissividade e já está circulando em todo o país. 

“O nosso compromisso é com a saúde da população. Há vírus respiratórios circulando e a máscara é uma aliada no combate à transmissão e, consequentemente, na prevenção”, disse o Secretário de Estado da Saúde, Jean Gorinchteyn.  

Além disso, outra explicação dada para a prorrogação do uso de máscaras em espaços abertos é o surto da nova gripe provocada pelo vírus H3N2. Nas últimas semanas, diversos municípios do estado estão tendo aumento no número de atendimento de pessoas diagnosticadas com síndrome respiratória. 

O não uso de máscaras em locais públicos prevê multas de R$ 552,71 por pessoa física e de R$ 5.294,38 por estabelecimento, conforme resolução estadual.

 

Comentários