Após acidente com motociclista de Itapecerica, apresentador Dudu Camargo o ignora

Por Natália Bassi | 23/04/2021

Um acidente envolvendo o apresentador do SBT, Dudu Camargo e uma motocicleta, aconteceu no último domingo em um cruzamento na região do Morumbi. O condutor da moto é, na verdade, um morador de Itapecerica da Serra chamado Brendo Rocha que até o momento não recebeu qualquer ligação ou mensagem do apresentador sobre o conserto da sua moto, que é a sua principal fonte de renda, já que o mesmo trabalha em um aplicativo de entregas.

Eram 10h da manhã quando Brendo, que estava trabalhando, foi surpreendido por um automóvel. A batida foi tão forte que ele caiu no chão e precisou de atendimento médico no local. O que Brendo não imaginava é que o condutor do outro veículo era, na verdade, o apresentador Dudu Rocha, que atualmente é âncora do telejornal Primeiro Impacto do SBT.

Os dois foram encaminhados à delegacia para que fizessem o boletim de ocorrência. No entanto, no local, foi descoberto que o apresentador dirigia sem habilitação, além de estar com o documento do veículo atrasado. Ele foi liberado após a abertura de um Termo Circunstanciado por ter cometido crime contra a coletividade. Já o motorista da moto, tinha habilitação de categoria B, que serve apenas para veículo de quatro rodas.

Apesar disso, Brendo parece ter ficado com o maior prejuízo. Em suas redes sociais, o morador de Itapecerica desabafa sobre as consequências que o episódio trouxe. Com a moto quebrada, ele não está conseguindo trabalhar com entregas e, para piorar a situação, Dudu Camargo, que deveria se responsabilizar pelo conserto, ignora as suas mensagens.

“Eduardo Camargo pegou meu numero de telefone e me informou que me ligaria. Eu estou desde domingo sem poder trabalhar com a moto quebrada, não tenho dinheiro pra pagar a moto. Mandei mensagem no celular dele, ele visualizou e não respondeu. Mandei no Instagram também e não me respondeu”, desabafou Brendo.

Segundo ele, a tentativa de divulgar o seu relato nas redes sociais é mostrar a sua indignação e a falta de empatia do apresentador, que segundo sua visão está errado, e ignora as consequências que trouxe a uma pessoa que precisa trabalhar para pagar as contas e depende da moto para isso.

O processo corre na Justiça, conforme afirmou Brendo em suas redes sociais. No entanto, a morosidade pode dificultar o conserto da moto e, consequente, afetar o trabalho do entregador.

Comentários