Taboão da Serra registra mais 3 mortes na UPA Akira Tada

Por Natália Bassi | 26/03/2021

Taboão da Serra, infelizmente, registrou mais 3 óbitos na noite de ontem. Entre as vítimas estão dois homens, um de 69 anos que era hipertenso e um de 38 anos sem comorbidades, que aguardavam transferência para Unidades de Terapia Intensiva (UTI) através da Central de Regulação e Ofertas de Serviços (Cross). Uma mulher de 83 anos que chegou a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) Akira Tada transferida da Unidade Básica de Saúde (UBS) Clementino que hoje é utilizada para triagem de COVID também não resistiu. O seu quadro era extremamente grave e ela apresentava comorbidades, como diabetes, asma e hipertensão. Com esses dados, Taboão da Serra chega a 20 óbitos em um intervalo de 20 dias por falta de vagas em UTI.

Segundo o Comitê de Combate à Covid-19, a UPA está com 60 pacientes internados, dos quais 40 estão em leitos de enfermaria e 20 em leitos de emergência. Desse número, tristemente, 13 estão entubados. Entre as boas notícias estão a liberação de 02 transferências via Cross para outros hospitais do estado e a alta de 03 pessoas que estavam internadas e se curaram.

Hoje, a cidade possui 31 pacientes que apresentam casos de maior complexidade e que aguardam respostas do sistema Cross para serem encaminhados a outras unidades hospitalares.

Comentários