Índice de isolamento em Taboão, Embu e Itapecerica fica abaixo do esperado

Por Natália Bassi | 22/03/2021

As medidas mais restritivas entraram em vigor em todo o Estado de São Paulo como uma tentativa de diminuir a circulação de pessoas nas ruas e, consequentemente, o alto índice de infecções que vem crescendo de maneira sistemática em todo o país. No entanto, é perceptível que uma parcela considerável da população não vem respeitando o isolamento social e ignora a gravidade do problema.

Nesse final de semana, segundo o Sistema de Monitoramento Inteligente do Governo de São Paulo, uma ferramenta que vem sendo utilizada para medir a adesão ao isolamento nas cidades, os números apresentados ficaram bem abaixo do esperado e recomendado pelas autoridades sanitárias do país para conter a pandemia.

Taboão da Serra registrou apenas 45% de adesão. Isso significa que mais de 50% da população saiu às ruas normalmente. Já Embu das Artes e Itapecerica da Serra, municípios vizinhos, apresentaram 46%.

As porcentagens não chegam nem perto do que já foi recomendado pelo Centro de Contingência do Coronavírus do Estado de São Paulo que é igual ou mais a 70%. Esses números vão de desencontro com o que os médicos vêm pedindo e alertando.

Sem a consciência da população e o respeito às medidas de isolamento fica ainda mais difícil controlar o colapso iminente do sistema público e privado de saúde brasileiro que vem sofrendo diariamente pela falta de leitos, equipamentos e profissionais .

Comentários