Justiça determina busca e apreensão de ônibus do transporte público de Embu

Por Direto da Redação do Jornal na Net | 30/01/2021

A justiça determinou busca e apreensão de 20 ônibus da empresa JTP, concessionária do transporte público de Embu das Artes. Um oficial de justiça cumpriu a ordem judicial da juíza Barbara Carola Hinderberger Cardoso de Almeida, neste sábado, 30. Em nota enviada ao Jornal na Net a prefeitura de Embu garante que a população não será prejudicada pelo problema enfrentado pela empresa. Além disso garantiu que a cidade mantém em dia o pagamento dos subsídios à empresa.


Os ônibus objetos da ação judicial são novos e começaram a rodar perto do final de 2020. O motivo da ordem de busca e apreensão dos ônibus seria falta de pagamento. A JTP disse que foi pega de surpresa com a decisão e garantiu que não haverá falta de ônibus à população por ter frota reserva suficiente.

O Banco Volkswagen sustenta que a JPT possui uma dívida de R$ 8,68 milhões com a instituição financeira.


Leia íntegra da nota da prefeitura de Embu


A Prefeitura de Embu das Artes esclarece aos munícipes e usuários que, apesar do revés sofrido pela a empresa JTP Transportes, terceirizada responsável pelo transporte público interno da cidade, não haverá falta de ônibus nem impactos nas linhas atendidas.

Vale ressaltar que, ao todo, são 81 carros servindo a população embuense diariamente e os pagamentos e subsídios estão todos em dia por parte da Prefeitura, que está atenta para que não falte transporte para nossos cidadãos.

Alguns desses ônibus são financiados pela empresa e, devido ao impacto da pandemia sobre o transporte público, há uma parcela em aberto, o que gerou transtorno à empresa, conforme nota abaixo.

Nota da Empresa JPT

A JTP Transportes, Serviços, Gerenciamento e Recursos Humanos Ltda’ lamenta o ocorrido, sendo pega de surpresa pela decisão sobre a qual não fomos notificados.


Inicialmente, esclarecemos à população de Embu das Artes que não haverá falta de ônibus e impactos nas linhas atendidas, isso porque possuímos frota de reserva suficiente.


Esclarecemos também que sempre tivemos uma boa relação com o Grupo Volkswagen, do qual somos clientes há vários anos, e acreditamos que a medida será revertida muito em breve.


Frisamos ainda que houve o atraso de apenas uma parcela do financiamento e que devido ao estado de pandemia do novo coronavírus, a demanda dos transportes coletivos em todo o País foi sensivelmente prejudicada. As empresas de ônibus têm enfrentado sérias dificuldades e a maioria dos sistemas brasileiros não conta com subsídios ou complementações tarifárias, que são comuns na maior parte dos países desenvolvidos e em sistemas de referência, como a capital paulista.


Seguimos firmes na operação de Embu das Artes e outros sistemas em que atuamos com a solução breve desta situação. Tranquilizamos também todos os nossos demais fornecedores, gestores públicos e toda a cadeia de transportes sobre a normalidade de nossas operações.


JTP Transportes, Serviços, Gerenciamento e Recursos Humanos Ltda

Comentários