Embu das Artes está de luto após tragédia no Jardim do Colégio

Por Redação | 30/12/2020

Embu das Artes amanheceu de luto por causa das mortes ocorridas após um desabamento na rua Centauro, no jardim do Colégio, após a intensa tempestade desta terça-feira, 29. Duas casas desabaram em uma área de risco na rua. Os bombeiros foram acionados por volta das 21h40. Mais de 40 bombeiros trabalham nas buscas. Cerca de 40 casas foram interditadas no local.

Até as 9h os bombeiros haviam localizado o corpo de 4 das 6 vítimas da tragédia. O tenente-coronel da Defesa Civil, Rodrigo Quintino, diz que vai apoiar o Corpo de Bombeiros na avaliação de áreas de riscos para evitar novas tragédias.

“Nosso trabalho no local vai ser exatamente a avaliação dessas áreas. Nós temos em Embu das Artes, especificamente, um total de 18 áreas de risco, que foram reavaliadas neste ano. É avaliação bem atual realizada pelo Instituto Geológico de São Paulo”, afirmou.

“É importante falar para as pessoas que evitem essas áreas como aconteceu em Embu das Artes, não tentem atravessar enxurradas, não tentem atravessar áreas alagadas, especialmente áreas relacionadas a deslizamentos de terra ou com riscos de deslizamento. A qualquer sinal mínimo de deslizamento, como rachaduras, inclinação anormal de postes, árvores e muros, é importante que as pessoas acreditem e saiam imediatamente dessas áreas”, ressaltou.

A prefeitura de Embu emitiu nota oficial sobre a tragédia lamentando as mortes. Segundo a nota “seis pessoas da mesma família foram soterradas, das quais quatro já foram localizadas e duas continuam desaparecidas. Os bombeiros trabalham no local com aproximadamente 40 homens. No bairro Santa Tereza, um homem de 56 anos foi arrastado pela correnteza. Apesar de ter sido socorrido, faleceu antes de chegar ao Pronto Socorro”.

Ainda de acordo com a nota o prefeito Ney Santos lamentou as mortes e se solidarizou com os familiares. “Quero me solidarizar com as famílias que perderam seus parentes nesses trágicos acidentes. Que Deus conforte o coração de todos neste momento de intensa dor”, disse.

A Prefeitura de Embu das Artes criou a Central Estratégica de Combate às Chuvas que estará de plantão à disposição da população embuense. Aproximadamente 100 pessoas foram atendidas pelos serviços de acolhimento e de saúde.

A base está no endereço: Escola Municipal Elza Marreiro Medina Rua Bolívia, 200, Jd. dos Moraes Dois Cras também estão de prontidão para atender as famílias das 9 às 17h hoje. CRAS COLÉGIO - R.Pégaso, 294-406, CÉU Jd. do Colégio. CRAS VAZAME - Rua dos Canários, 2576 – Jd. Vazame Além disso, em caso de emergência, os munícipes devem entrar em contato com a DEFESA CIVIL através do número 4785-1271, SAMU 192 ou GCM 153.


*Com informações do G1

Comentários