Idosa de 75 anos é detida após ser acusada de matar cachorro em Taboão da Serra

Por Redação | 10/08/2020

A Guarda Civil Municipal (GCM) de Taboão da Serra deteve na noite de domingo, dia 9, uma idosa de 75 anos acusada de matar uma cachorrinha na rua Salvador Branco de Andrade, no Jardim São Miguel.. Ela foi levada para 1°DP, mas liberada após prestar depoimento.  

Na delegacia, a dona informou que o animal fugiu de casa com medo dos fogos de artifício e, após procurá-lo, foi informada em um bar que a idosa o pegou. A mulher foi falar com a acusada, mas ela negou e entrou para dentro de casa.  

Enquanto a família estava em frente a casa da acusada, uma ambulância do SAMU chegou depois de ser chamada pela idosa, que alegou estar passando mal. Os paramédicos, porém, decidiram acionar a GCM após serem informados da acusação de furto contra a senhora. 

Segundo os guardas, um saco preto com um cão morto foi encontrado na casa e o filho da dona do cachorro disse ter reconhecido o animal. A idosa, porém, disse que não sabia do saco na sua casa, mas confessou que pegou um cão na rua por achar que era o seu. Ela ainda acusou rapaz de ter colocado o animal morto lá para incriminá-la. 

Os vizinhos, inconformados, se reuniram em frente a casa da senhora e protestaram contra ela. A perícia foi realizada no local, mas a acusada foi liberada após prestar depoimento e assinar um termo circunstanciado por maus tratos a animais, já que o animal morto foi encontrado no seu quintal. 




Comentários