Governo de SP adia volta às aulas para 7 de outubro

Por Gabriela Pereira - Especial para o Jornal na Net | 7/08/2020

Após duras críticas, o governador João Dória (PSDB) decidiu adiar a volta às aulas da rede pública e privada em todo o Estado para o dia 7 de outubro. A mudança foi anunciada nesta sexta-feira, dia 7, e, segundo Dória, aconteceu devido à orientação do Centro de Contingência do Coronavírus. 

“A previsão inicial era 8 de setembro, mas para garantir uma margem de segurança de saúde para nossas crianças, adolescentes, professores, gestores e aos familiares dos alunos, decidimos adiar o retorno”, ressaltou. 

Embora o retorno das aulas tenham sido postergado, as escolas de cidades que já estão há 28 dias na fase amarela podem reabrir para atividades opcionais e de reforço. O retorno, porém, deve ser decidido pela instituição, com consulta à comunidade escolar. 

Até então, a previsão para o retorno do ano letivo no início de setembro gerou insegurança e inúmeras críticas, principalmente entre pais, que relataram medo em deixar os filhos retornaram às salas de aula. 

Para que a data inicial prevista se tornasse realidade, pelo menos 80% da população de São Paulo deveria estar na fase amarela há 28 dias. Como 9 regiões ( do interior avançaram no Plano SP nesta sexta-feira, os critérios seriam cumpridos se a data se mantivesse, já que agora 86% dos habitantes paulistas estão na fase amarela de flexibilização. 

Comentários