Pelo 3° dia consecutivo, Taboão da Serra registra isolamento social de 48%

Por Gabriela Pereira - Especial para o Jornal na Net | 14/05/2020

Taboão da Serra registrou pelo terceiro dia consecutivo isolamento social de 48% nesta quarta-feira, 14, quando os últimos dados do Sistema de Monitoramento Inteligente (SIMI-SP) foram divulgados. Em números absolutos, significa dizer que dos 285.570 habitantes, apenas 137.073 se mantiveram em casa. O índice é bem abaixo do 70% recomendado pelo Governo do Estado de São Paulo para que o contágio pelo novo coronavírus não aumente e não sobrecarregue o sistema de saúde.

De todas as cidades do sudoeste da região metropolitana, Taboão da Serra é a que vem registrado menor índice desde que a adesão à quarentena começou a ser verificada. O SIMI-SP monitora, por meio do sinal de aparelhos celulares, moradores de 104 cidades com mais de 70 mil habitantes, por isso Embu-Guaçu, Vargem Grande Paulista, Juquitiba e São Lourenço não fazem parte da averiguação.

O número de adesão à quarentena também é refletido na quantidade de casos em Taboão da Serra, que até agora também é a mais afetada pela doença na região. Foram 43 mortes provocadas pelo novo coronavírus. Ainda houve 291 moradores infectados, mas, destes, 160 foram curados e 88 seguem sendo monitorados. Outros 171 aguardam o resultado do exame e 309 suspeitas já foram descartadas. Ao todo, 771 notificações foram relatadas à Saúde.

O prefeito Fernando Fernandes tem insistentemente defendido o isolamento social. Em um vídeo publicado nas suas redes sociais, ele disse ter sido necessário a prorrogação da quarentena estadual para o dia 31 de maio e reforçou que a prioridade de seu governo neste momento é salvar vidas.

“A economia é extremamente importante, não tenho dúvidas disso, mas muito mais importante, especialmente para mim, como médico, é preservar vidas”, disse ele ao enfatizar para que os munícipes permanecessem em casa e, caso precisassem sair, usassem máscaras.

Cidades da região

Itapecerica da Serra continua sendo o município da região que mantém o maior número de moradores dentro de casa, ocupando o 13° lugar no ranking das 20 melhores cidades com melhor adesão à quarentena. Domingo, 10, o índice alcançou 62%. Na segunda-feira, 11, como é de costume nos dias da semana, caiu para 54%, número também registrado nesta terça, 12, e quarta-feira, 13.

Já Cotia também apresenta números consideráveis. No domingo, 10, o percentual de isolamento ficou em 58%; na segunda, 11, caiu para 50%; na terça-feira, subiu para 51%, para novamente cair para 50% nesta quarta-feira, 13.

Em Embu das Artes os índices estão melhores que em Taboão da Serra, mas abaixo do que Itapecerica e Cotia. 58% dos moradores permaneceram dentro de casa no domingo, 10, mas na segunda, 11, o número caiu para 50%. Na terça, 12, e na quarta-feira, 13, a adesão à quarentena foi de 49%.

Comentários