Taboão da Serra alcança marca de 41 mortes por coronavírus

Por Gabriela Pereira - Especial para o Jornal na Net | 13/05/2020

A Secretaria de Saúde confirmou que Taboão da Serra registrou pelo segundo dia consecutivo aumento no número de mortes por coronavírus e o total de vítimas fatais pela doença chegou à marca de 41 nesta manhã de quarta-feira, 13. Ontem, 12, a cidade também já havia registrado mais três óbitos e tinha 37 mortes em decorrência da Covid-19.

Das quatro novas mortes, apenas uma era mulher. Ela tinha 61 anos, pressão alta e estava internada no Hospital de Cotia. O outro morador tinha 76 anos, estava no Hospital das Clínicas e não há informações sobre comorbidades. O terceiro paciente tinha 50 anos, era obeso e estava hospitalizado no Emílio Ribas. Já o último homem, de 79 anos, era diabético e estava no Hospital Geral de Itapecerica da Serra.

Ainda de acordo com o boletim divulgado, o número de moradores que já foram infectados pela doença é 284, no entanto, destes, 155 foram curados e 87 ainda não tiveram alta e são acompanhadas pela Saúde. Outros 172 munícipes esperam o resultado do exame e 304 já tiveram as suspeitas descartadas. Ao todo, 760 casos já foram relatados.

Taboão da Serra é mais afetada pela doença entre as cidades que compõem o Sudoeste da Região Metropolitana. Para tentar combater a circulação do vírus na cidade, uma série de medidas foram tomadas pela prefeitura.

A cidade decretou estado de calamidade pública e os comércios não essenciais continuaram fechados até dia 31 de maio, seguindo a determinação do Governo do Estado, que prorrogou a quarentena.

As ruas, calçadas, pontos de ônibus, entradas e portões de casas dos bairros estão sendo desinfectadas, medida que, segundo o prefeito, segue como uma das mais importantes pela prefeitura.

Na cidade, também houve a entrega gratuita de mais de 25 mil máscaras, confeccionadas pela Escola Municipal de Corte e Costura de Taboão.

Comentários