Polícia Civil de Taboão prende dupla que participava de quadrilha especializada em roubo de cargas

Por Redação | 24/03/2020

A Polícia Civil de Taboão da Serra prendeu na manhã desta segunda-feira, dia 23, no Jardim São Judas Tadeu, uma dupla que participava de uma quadrilha especializada em roubo de carga. Na ação, foram apreendidos uma réplica de um fuzil, um revólver, diversas carcaças de celular e potes de maioneses roubados em um assalto. Um dos suspeitos conseguiu fugir. 

Segundo o delegado titular do 2ºDP, que coordenou a ação, "os dois estavam agindo na região, roubando veículos com carregamentos de cargas valiosas, sendo identificado um terceiro indivíduo que dava cobertura nas ações criminosas". 

As investigações tiveram início em fevereiro, após Guardas Civis Municipais encontraram uma carga roubada avaliada em mais de 21 mil abandonada em um veículo nas margens da Rodovia Régis Bittencourt. À época, os dois suspeitos tinham sido abordados pela GCM em um veículo num local próximo ao caminhão de carga roubada, mas foram liberados depois de se passarem por motorista e passageiro de aplicativo de transportes.

Já nesta segunda, dia 23, enquanto realizavam diligências, viram um veículo semelhante ao que foi usado pelos rapazes anteriormente abordados pela guarda. Durante acompanhamento de longe, os agentes viram dos ocupantes desembarcou com uma mochila e entrou em uma casa no Jardim São Judas e motorista seguiu viagem.

Poucos metros depois, o veículo foi abordado. Os policiais constaram que o carro tinha foi roubado em Juquitiba e para despistar as autoridades a placa original tinha sido substituída por uma falsa. A residência também foi cercada pelos agentes, que conseguiram localizar o rapaz que desembarcou.

Dentro da garagem da casa, os policiais encontraram a mochila com uma réplica de um fuzil e revólver. No local, também havia carcaças de celulares e seis potes de maionese, que o rapaz disse ser fruto de um roubo de carga no rodoanel.

Os dois rapazes detidos ainda informaram que mais um homem conhecido como “Galego” ajudava nos roubos. Ele, porém, conseguiu fugir. A dupla foi encaminhada ao 2º DP e responderá por associação criminosa, receptação, porte ilegal de arma de fogo e adulteração de sinal de veículo automotor.

Comentários