Prefeitura dá início a Operação Verão e retira 388 toneladas de lixo e entulho de ruas do Jd. Margaridas e Comunitário

Por Marcelo Ramos | 12/02/2020

A prefeitura de Taboão iniciou no fim de semana mais uma edição da Operação Verão em combate ao mosquito da dengue. Na ação, foram retiradas cerca 388 toneladas de lixo, entulho e materiais inservíveis das ruas do Jardim Margaridas e Jardim Comunitário, segundo informou a administração municipal à reportagem. Ao todo, 65 funcionários da Defesa Civil, da Secretaria de Manutenção e da Secretaria de Saúde foram mobilizados.

Além da limpeza, também foi dada orientação pelos funcionários da saúde em relação à dengue e aos animais venenosos e peçonhentos que podem causar doenças e após ação, na segunda-feira,10, ainda foi aplicado pela zoonose venenos nos bueiros para combater a proliferação de ratos.

Segundo o secretário de Manutenção da cidade, Daniel Bogalho, a ação começou nos dois bairros porque são considerados pontos críticos pelo acúmulo de lixo nas ruas. “Em chuvas consideradas médias ou fortes, já há registros de alagamentos porque o lixo que está nas ruas vai para bueiros e impede a vazão da água para os córregos”, explica.

Nos dois bairros onde a ação aconteceu e em muitos outros, entulhos e materiais inservíveis são descartados irregularmente quase que diariamente a céu aberto, o que, além de atrapalhar a circulação de pedestres e deixar a cidade suja, pode causar doenças, danos ambientais e alagamentos.

“A ação não é somente para limpeza, mas também para conscientizar as pessoas para que elas não tornem o local onde vivem em um lixão a céu aberto”, explicou Daniel, que também falou sobre a eficiência da ação. “No ano passado, três meses posteriores a operação, teve uma queda significativa do descarte irregular nas áreas onde fazíamos este processo. De três caminhões de entulho, passamos a retirar apenas um em alguns locais”, afirmou.

O secretário também explicou que além de toda a questão ambiental, o despejo ilegal também gera altos custos para o poder público. “Isso é um serviço corretivo e gera um gasto muito alto que, na verdade, poderia ser investido em outras áreas, como segurança, saúde e educação”, enfatizou. Além da Operação Verão que acontece todo o início de ano na cidade, também há o contínuo serviço de “Cata-Bagulho” para a remoção de materiais inservíveis na cidade. Para o acionar, é necessário ligar no telefone 4788-4100.

Flagrante

Na última quinta-feira, dia 6, um homem foi flagrado por um morador descartando entulhos de forma irregular no Ponte Alta, em uma área que é constantemente limpa pela prefeitura. No local, há uma placa alertando sobre a multa pelo despejo irregular de materiais, mas ele ignora.

As imagens foram enviadas à prefeitura, que conseguiu identificar o autor e aplicou multa de quase R$ 12 mil. “Percebemos que na publicação da denúncia que houve em menos de um dia mais de 2 mil compartilhamentos. É uma situação que revolta, mas muitos ainda tem medo de denunciar, o que é importante fazer para conseguirmos agir”, ressaltou Daniel.

Comentários