Homem arrasta mulher para matagal e tenta estuprá-la em Taboão

Por Redação | 12/07/2019

Uma mulher de 41 anos sofreu uma tentativa de estupro no início da madrugada de quinta-feira, dia 11, no centro de Taboão da Serra. A vítima foi arrastada para um matagal por um homem, mas conseguiu escapar. O agresso fugiu. A polícia tenta identificar o autor. 

A mulher disse à polícia que vinha pela rua Dr. José Soares de Azevedo para subir o escadão que dá acesso à rua do Cristo. No final das escadas, a vítima reparou que um homem entrou dentro de um terreno baldio.

Ao se aproximar do local, ela foi arrastada pelo braço para um matagal. O agressor tapou a boca da mulher com a manga da blusa para que ela não gritasse. Ameaçando a vítima, ela a puxava para  dentro da mata.

O agressor tentou dar uma gravatada na moça, mas nesse momento ela conseguiu escapar e sair correndo. O homem entrou no matagal e fugiu sentido rua Santa Luzia.

A vítima ainda informou que em nenhum momento o homem tentou roubar sua bolsa, apenas tentou levá-la para o matagal. No momento do crime, não havia ninguém na rua. Mas, conforme informou, no local pode haver câmeras de segurança que podem ter registrado o ataque.

O crime foi registrado no 1º Distrito Policial de Taboão da Serra pela delegada Camila. A Polícia Civil agora investiga o caso para tentar identificar localizar o homem.

O crimes de estupro é o que mais assombra as mulheres, que se sentem ameaçads constatemente nas ruas ao sairem para trabalhar, estudar ou simplesmente para encontrar com os amigos.

Em Taboão, nos últimos tempos, um caso que chocou a popopulação foi o da copeira Dilma. A mulher foi sequestrada, estuprada e brutalmente assassinada. O criminoso aproveitou que ela saia às 04h, horário em que a rua está vazia, para raptá-la. Dilma ficou desaparecedida por seis dias até que seu corpo foi encotrado em uma casa do indiana. 

 

Comentários