PM prende acusado de comercializar munições com 370 cartuchos em Taboão

Por Redação | 29/03/2019

A Polícia Militar de Taboão da Serra prendeu nesta terça-feira, dia 26, um mecânico de 25 anos flagrado com mais de 370 cartuchos de arma de fogo na Rua Alzira Rosa, no Jardim Roberto.

Os policiais realizavam patrulhamento de rotina quando um carro parado na rua ocupado pelo suspeito.  O homem informou ser motorista do aplicativo Uber e alegou esperar uma passageira.

Em revista pessoal, foi encontrada em seu bolso anotações de diversos calibres de munições. O homem disse à polícia que um passageiro tinha esquecido a folha no carro.

Vistorias foram feitas no veículo e uma mochila com 80 cartuchos calibre 7.62mm, 110 de calibre .380 e 180 de 9mm foi encontrada no porta-malas.

O acusado foi preso em flagrante e levado à delegacia. Lá, autorizou os policias a acessarem seu celular em que conversas que o ligavam ao comércio de munições foram encontradas.

Em uma delas, o homem dizia a um possível comprador que “vamos ter que fazer uma contagem, pois fui vendendo de picada. Tem menos de 380 e de outra lá. Até marquei aqui no papel. O resto tem tudo”.

Já na outra, ele sinalizava quais calibre ainda não tinha vendido. “Tenho umas lá guardadas. Vou te mandar as que tenho. 380, 9 mm, 45, 762, 70”, disse.

Todos os cartuchos foram apreendidos e encaminhados ao IC. O delegado que registrou o caso, o dr. Ronald, pediu à Justiça a conversão da prisão em flagrante para preventiva.

Comentários