Motoristas do transporte escolar fazem protesto por mudanças em Itapecerica

Por Sandra Pereira | 24/09/2016

Com uma ampla pauta de reivindicação um grupo de motoristas do transporte escolar ligados à Cooperativa de Transporte Escolar de Itapecerica da Serra (Coopertreis), realizou um protesto na cidade, neste sábado, 24. O grupo percorreu diversas ruas chamando a atenção dos moradores para os problemas enfrentados pela categoria. Ao todo 62 veículos e mais de 100 pessoas participaram do ato.

Os motoristas de transporte escolar querem barrar a distribuição de alvarás, acabar com a cobrança de algumas taxas, como certidão de dívida ativa na prefeitura e com a obrigatoriedade de abrir MEI. Além disso, a categoria também quer mais  áreas de embarque e desembarque próximo das escolas, uma vistoria nos carro por semestre.

"Nosso movimento quer mostrar que temos o direito de trabalhar na cidade onde moramos. Não é certo a prefeitura trazer gente de fora.  

Queremos mostrar que somos muitos e estamos unidos e somos fortes para lutar pelo nossos direitos", citou Vanderléia Aparecida Natal Domingues, a tia Vanda, presidente da Coopertreis.

Os motoristas do transporte escolar saíram em carreata pela Avenida dos  Itapecericanos e de lá percorreram bairros como o jardim Sampaio,  Nissalves, Parque Paraíso até a Gleba 7 de onde seguiram para a avenida 15 de Novembro, ruas do centro até a prefeitura.

"Não conseguimos unir todos os motoristas por vários motivos, mas todos estavam empenhados e contribuíram de uma forma ou de outra, no total somos 145", afirmou Rodrigo Vieira Ribeiro conhecido como tio Rodrigão.

Comentários