Motoristas reclamam de caminhões estacionados indevidamente em via de mão única

Por Gabrielly Sousa | 11/03/2016

Moradores do bairro Agua Espraiada fazem constantes reclamações devido a carretas estacionadas na contramão da Rua José Semião Rodrigues Agostinho atrapalhando a passagem de outros veículos. Veículos e Motocicletas invadindo a contramão também são alvo de reclamações na via.

Segundo informações de moradores, as carretas que ficam estacionadas na via de mão única servem às transportadoras localizadas no logradouro. Além das carretas estacionadas indevidamente também é recorrente o fato de tráfego, também na contramão, de automóveis e motocicletas na via.
“A rua é bastante utilizada por várias empresas, seja para transporte de suas mercadorias, seja para acesso de seus funcionários ou mesmo o socorro de algum deles, o que é dificultado ou até mesmo impedido pelos ditos caminhões”, relatam testemunhas que também afirmam já haverem ocorrido acidentes, discussões e materiais não entregues em seus devidos domicílios, localizados na Rua José Agostinho, por conta destas infrações.

Multa


Segundo código de transito do Artigo 181 parágrafo XV – estacionar na contramão de direção é infração média com penalidade de multa no valor de R$ 85,13 e acréscimo de 4 pontos na Carteira Nacional de Habilitação (CNH).

E transitar pela contramão vias com sinalização sentido único - também segundo código de transito do Artigo 186 parágrafo II - é uma infração gravíssima com penalidade de multa no valor de R$ 191,54 e acréscimo de 7 pontos na Carteira Nacional de Habilitação (CNH).

Comentários