Moradores protestam contra fechamento do PS Vazame em Embu das Artes

Por Direto da Redação do Jornal na Net | 24/01/2016

Motivados por lideranças políticas, aproximadamente 200 pessoas fecharam a avenida Augusto de Almeida Batista, de frente com o antigo Pronto Socorro Vazame, atual Hospital Leito da cidade. O protesto teve como objetivo atrair atenção da gestão pública solicitando a reabertura do PS. A GCM e a Polícia Militar foram acionadas para garantir a tranquilidade dos pacientes internados. Um carro de som foi notificado e o veículo fusca que também participava do ato foi apreendido. 

O ato foi pacífico, no entanto, o fechamento da principal via de acesso do Jardim Vazame trouxe um pouco de transtorno para os motoristas de carros, ônibus e caminhões que tiveram que buscar opções alternativas na tarde deste sábado, dia 23. O protesto durou cerca de 1h30 e fizeram uso da palavra moradores e lideranças políticas. Ao final do ato, um morador passou mal e recebeu atendimento no Hospital Leito. 

Ao final do ato foi anunciado que o prefeito Chico Brito irá receber a comissão em uma reunião na próxima quarta-feira, dia 27. O movimento deixou marcado um novo ato para o próximo sábado, dia 30 ás 16h, para comunicar os moradores e comerciantes a decisão do prefeito quanto ao pedido de reabertura do atendimento de pronto socorro no Jardim Vazame. 

Vale destacar que o PS Vazame virou Hospital Leito após a inauguração da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) Santo Eduardo, que tem como objetivo desafogar o atendimento de urgência e emergência do município, além disso, ter um espaço adequado apenas para internações.

Comentários