Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Polícia

Alunos e comunidade pedem basta à violência e policiamento em Taboão

Por | 6/09/2012

caminhada

Karen SantiagoCaminhada parou o trânsito na Kizemon Takeuti, por volta das 17h30

Os professores, funcionários, alunos e comunidade da Escola Estadual Edgar Francisco, no bairro Guaciara, cidade de Taboão da Serra, em protesto contra os constantes assaltos que ocorrem em frente à unidade escolar e ao entorno – relembre aqui e aqui foram para a rua e realizaram na tarde desta quinta-feira (06) uma intensa caminhada para pedir um basta na violência e respaldo policial. Eles caminharam, acompanhados pela GCM, polícia militar e agentes da Semutrans da escola até a Praça Luiz Gonzaga.

Quase mil pessoas participaram do ato que foi marcado por discursos, frases de protestos e muitas faixas expressando os sentimentos de desespero e medo que os manifestantes sentem ao irem até a escola e trafegarem pelas ruas do bairro. Faixas com dizeres: “Para não sermos roubados, temos que vir com o tênis furado”, “Até quando viveremos de promessas” e “Basta à violência. Queremos segurança, paz e justiça”, ilustrou a revolta e o temor dos participantes.

A caminhada, segundo a vice-diretora da escola, Sônia Cristina, foi decidida em reunião de pais e alunos convocada às pressas, na última quarta-feira na unidade escolar. “O que a escola podia fazer fizemos, como acionar os órgãos competentes, então na reunião foi decidido que para dar um basta na violência, iríamos para as ruas”, explicou. De acordo com ela a caminhada contou ainda com o apoio de mais três escolas da região: Renaldo Faleiros, Laurita Ortega e Heitor Cavalcante de Alencar Furtado.

Uma moradora da comunidade que preferiu não se identificar contou a reportagem do Jornal na Net que os assaltos acontecem de segunda a segunda e a qualquer hora do dia. Tênis, bolsas, blusas, camisetas, celulares, dinheiro e até carros são levados das vítimas, de acordo com o relato dela. Ela contou que os moradores precisam pagar um guarda pra serem levados até o ponto, porque todos têm medo de sair na rua. “Ladrão é o que mais têm e ninguém faz nada. Quando chamamos a polícia ela demora para aparecer, isso quando vêm”, disse.

Ela denunciou ainda que na quadra da escola durante o final de semana crianças e jovens ficam usando entorpecente e que seu filho nem pode brincar na rua. E pontuou os assaltos são cometidos por motoqueiros armados, todas as motos (laranja, vermelha/preta e preta) são sem placa e que um veículo gol preto também está envolvido nos assaltos. “Todos os dias as pessoas que estão no ponto do supermercado D’Avô são vítimas”, finalizou.

A polícia militar foi criticada pela vice-diretora também. Além de várias pessoas da comunidade. “Só tem três viaturas para atender Taboão inteiro e os policiais não dão conta. Falta segurança na cidade”, disse. "Quando chamamos, eles demoram muito. Isso quando vêm", disse outro.

Questionado sobre a possível falta de ronda escolar na unidade de ensino, Capitão Santos informou que as pessoas estão equivocadas, quando afirmam que não tem ronda e que a polícia não vai até o local. “Tem ronda sim e está registrado em ata. Tem também abordagens, como na quarta. Na terça orientamos dois jovens que consumiam drogas dentro do banheiro da escola. Tem muito aluno e ex-funcionários e alunos envolvido com o uso do entorpecente”, explicou.

Ainda de acordo com ele a polícia já tem conhecimento de alguns dos possíveis acusados e está realizando patrulhamento com vistas na prisão deles.

A vice-diretora foi questionada pela reportagem sobre o flagrante que a polícia fez em alunos da escola, que usavam entorpecentes dentro do banheiro, mas ela desconversou sobre o assunto. Mas, uma mãe de aluno, afirmou que realmente aconteceu esse fato.

De acordo com várias mães de alunos, os filhos não estão indo para a escola, apesar de as aulas acontecerem normalmente, apesar dos ocorridos e quando vão não levam celulares e tênis. “Eles vão de chinelo havaiana, dos mais simples, para não terem algo de valor roubado”, afirmou uma. A outra por sua vez frisou que apesar disso os bandidos assaltam e se não tem o que eles querem, as vítimas podem ser agredidas com tapa na cara ou coronhada. “A situação é grave”, afirmam.

Por fim, os alunos elogiaram o corpo docente da escola, funcionários e a estrutura de ensino da unidade, de acordo com eles, a escola está de parabéns do lado de dentro e é uma referência entre as outras ao entorno.

violencia


22/10/2018

Jovem do Santa Clara, em Embu, está desaparecido desde o último sábado, dia 20

Atualiação de caso às 21h30

O jovem Jheisan Henrique Felipe Franco, de 26 anos, morador do...

19/10/2018

Estudantes são vítimas de arrastão a caminho da escola em Itapecerica

Moradores de Itapecerica da Serra relataram que estudantes da escola Lúcia Akemi Miya, no Jardim...

19/10/2018

Polícia Civil identifica assassinos de PM vítima de latrocínio em Embu das Artes

A Polícia Civil do 1º DP de Embu das Artes identificou o casal responsável por assasinar o PM...

19/10/2018

Homem é preso com 20 trouxinhas de maconha e 50 frascos de lança-perfume em Embu

A Polícia Militar deteve, nesta sexta-feira, 19, um homem que escondia entorpecentes em uma casa...

17/10/2018

25º Batalhão da PM lamenta assassinato de soldado Jailson morto durante assalto

O 25º Batalhão de Polícia Militar Metropolitano (BPM/M) de Itapacerica da Serra emitiu, nesta...

17/10/2018

Jovem adolescente do Campo Limpo está desaparecida há 3 dias

A adolescente Giovanna Silveira, de 13 anos, moradora do Campo Limpo, bairro de São Paulo que...

16/10/2018

Faculdade Anhanguera de Taboão protagoniza episódio de racismo

A unidade da faculdade Anhanguera em Taboão da Serra foi protagonista de um lamentável episódio...

16/10/2018

PM de Itapecerica é vítima de latrocínio em Embu das Artes

O policial militar Jailson Matos Batista, de 38 anos, lotado no Jardim Jacira, em Itapecerica da...

16/10/2018

Força Tatica prende traficante que confirmou ser integrante de facção criminosa

A Força Tatica de Itapecerica da Serra prendeu, na madrugada desta terça-feira, 16, um homem...

15/10/2018

Morador do Parque Pinheiros, em Taboão, está desaparecido há 9 dias

O morador do Parque Pinheiros Durval de Souza Santos, de 49 anos, está desaparecido há 9 dias. O...

23/10/2018

Prefeitura de Embu inaugura nova unidade do Procon nesta terça-feira, 23

Prefeitura de Embu das Artes inaugura a nova unidade do Procon Embu das Artes - Unidade Centro,...

23/10/2018

Embu terá multirão de papanicolau na próxima terça-feira, 30

Em parceria com o Centro de Estudos e Pesquisas João Amorim (Cejam), a Secretaria Municipal de...

ingle

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.