Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Polícia

Relatos de arrastões em escola reforçam necessidade de policiamento em Taboão

Por Karen Santiago | 4/09/2012

escola1

Divulgação Adilson Oliveira - TaboãoemfocoReunião de emergência foi convocada para a tarde desta terça, dia 4

Novos relatos da ação dos criminosos em frente à escola estadual Edgard Francisco, localizada no bairro Guaciara, na cidade de Taboão da Serra, foram feitos pelos alunos, seus pais e funcionários da escola e reforçam a necessidade de uma ronda mais efetiva no local. Além disso, reportam o medo constante que as vítimas convivem. Outros relatos apontam também que os alunos se mostram temerosos em ir para aula – veja mais aqui

“Dá até medo de ir para a escola. Porque não tem um segurança na entrada e saída. A gente corre o risco de ser baleado durante o assalto porque muitos alunos não entregam o que os assaltantes querem. Então nós alunos, professores, funcionários, diretores e a população exigimos segurança para todos nós”, desabafa um aluno.

De acordo com um comentário de um aluno a situação enfrentada é muito precária mesmo. Ele contou que na noite da última segunda-feira (3), foi vítima de um assaltante por volta das 19h (horário de entrada da escola). Segundo ele, o criminoso estava a pé e desarmado, neste momento, um grupo de alunos conseguiu correr atrás dele e colocá-lo dentro de um veículo. “Em frente da escola ele foi linchado por muitos alunos e pessoas indignadas. Queremos segurança na porta da escola porque isso é uma palhaçada imensa”, frisa.

Uma mãe de aluno também expressou sua indignação perante aos assaltos e declarou não saber mais a quem recorrer para dar um basta nos assaltos. “Nós os pais não sabemos mais a quem pedir ajuda, por que fica um joga, joga imenso por parte daqueles que nos achávamos que poderiam nos ajudar”, desabafou.

Os constantes arrastões e assaltos em frente e ao entorno da escola foram os principais motivos para uma reunião de emergência ser convocada para esta terça, dia 4, na parte da tarde, para que os pais, alunos e os moradores em geral discutissem junto com os funcionários alternativas para a inibição dos assaltantes.

O policiamento da PM em conjunto com a Guarda Civil Municipal seria a principal solução, segundo o diretor da escola, João. “Não pedimos para que fiquem em frente à escola, mas que façam a ronda frequente”, disse. Apesar dos constantes assaltos as aulas escolares estão acontecendo normalmente.
12º

marinalva

Nossa pessoal fico muito triste em ver tanta violência nesse colegio ,estudei ai no primeiro ano q o colégio foi inaugurado,nossa era umas das melhores escola,eu amei a escola,hoje não moro mais no tabão da serra...o tempo passou só restor saudades dos amigos que deixei ai

11º

ana anonima

naô existe ronda em taboâo,nos estamos refem,,,somos umilhados ate mesmo ,na delegacia ao fazer boletim de ocorrencia,falta a gente ser assaltados e presos por ter ido na delegacia,sacanagem.

10º

Laércio Pestana

Se depender de políticos as questões serão apagadas, quando o interesse deles for uma lei as coisas serão feitas. quando eles ganham o poder político tudo o q/ foi falado prometido será esquecido. Passa a valer o corporativismo.

MORAIS

Senhor Cassiano estou de pleno acordo com o senhor sou gcm e tambem vejo com grande insatisfaçãoa falta de segurança e acho que esta manifestação vem em hora oportuna, apenas quiz lembrar que a GCM de Taboão, ou melhor os homens e mulheres que integram esta força não estão de braços cruzados, claro que estamos longe de um bom trabalho a ser prestado a nossa sociedade porem posso lhe garantir que não é por falta de vontade dos nossos bravos soldados, tenho certeza que pelo menos 90 por cento da corporação compartilha de sua indignaçao e digo mais pode contar com nossos esforços e torcemos muito para o seucesso desseprotesto enquanto isso continuaremos nossa solitaria luta, obrigado

Luzinete

Cade os politicos.Minha filha estuda nessa escola não tem nenhuma rota escolar

Sergio Vaz

Revolta! As Escolas públicas estão parecendo privadas. Sergio Vaz

Claudia

Minha filha e o namorado foram vitimas de assaltantes á exatas duas semanas atrás, levaram o boné e o tênis e celular dele e dela. o que mais chama a atenção é estavam em uma moto e eram dois e estavam armados e eu me pergunto por que dois rapazes bem vestidos e em uma moto roubaria tênis boné e celular?? Só sei que nesse dia eles passaram por um susto enorme e o que você ouve os próprios policiais falando é que policia não foi feita para pobre, a alguns dias vi em uma reportagem que na região do morumbi se um morador acionar a policia eles tem 10 minutos para chegarem até o local caso contrário o policial que deveria ter atendido toma advertência e enquanto isso nos bairros nossos filhos são vitimas constantes e ninguém toma uma atitude será que as pessoas que moram no Morumbi são mesmo melhores que nós e nossos filhos?? na hora de pagar imposto ninguém quer saber se sou da periferia ou não simplesmente tenho que pagar e na hora que precisamos de segurança eu tenho que ouvir que policia não é para pobre! fica aqui o meu registro e indgnação contra essa situação.

Marilia Silva

Isso é uma vergonha! Moro a no Guaciara a 15 anos, nunca vi uma coisa destas, todos os dias tem gente sendo assaltado em frente de casa, os alunos da escola Edgard Francisco estão todos amedrontados. SIMPLESMENTE ESTAMOS SEM POLICIAMENTO!!!! FAÇAM O TESTE LIGUEM NO 190, não conseguimos falar com ninguém a não ser uma gravação!!! Cade o poder publico, onde estão nossos direitos??? Pagamos nossos impostos, e o minimo, que exigimos é segurança,educação e saude!!! São os 3 que no minimo deveriamos ter!!! Pouca vergonha... E AINDA TEM CORAGEM DE PASSAR DE CASA EM CASA PEDINDO VOTO???????????

cassiano tosta

Uma vergonha! Não existe pior sensação para um pai deixar seu filho na escola e ir trabalhar com medo. Recorrer ao poder público parece não resolver, o descaso é tamanho e descabido! Se em ano de eleição estamos assim, imaginem depois dos fotos computados. Caro MORAIS, descordo completamente! Alegar que trocaram tiro com delinquentes não ameniza a falta de presença do estado e poder público. Defender a comunidade é dever, obrigação da GCM. É o mínimo que a população espera de quem é remunerado para tal. Mas a realidade infelizmente é diferente. A população tem medo, está insegura e com razão! A população apóia quando vê resultados.

MORAIS

Não se esqueçam que a poucos dias atras uma guarnição da GCM trocou tiros com bandidos que encontravam-se na porta de uma escola, o nosso trabalho é arduo, muito criticado eu acho que somente pedir policiamento não é o caso temos que apoiar o policiamento, temos que valorizar o policiamento e tenho certeza que com a GCM voces pondem contar............

William

O policiamento em Taboão da Serra está precário, na madrugada do sábado 1/9 liguei para o 190 e só na 3º tentativa eu consegui falar e ainda tive q espera uns 5min até atenderem, pois antes disso só fica a gravação...C fosse um assalto, o assaltante ja estaria looonge faz tempo!!!

João Roberto Moreira

Amigos a maior vergonha do nosso município é estar acontecendo estes arrastões em nossas escolas, e simplesmente não acontecer nada, nossa polícia que deveria fazer uma ronda nas escolas ou pelo mesmo apurar o que está havendo, não aparecem nem para dar satisfação aos pais de alunos, só será tomada alguma providência quando houver uma vítima fatal, vamos nos organizar e juntos pedir justiça, nesta quinta feira ás 16:00 hr será realizada uma manifestação saindo da escola Edgar Francisco seguindo pela Kizaemon até a praça Luiz Gonzaga

27/07/2017

Carga de cigarro avaliada em 3 milhões é apreendida pela PRF em Taboão da Serra

Uma carga de cigarros contrabandeados e sem nota fiscal foi apreendida pela PRF na manhã desta...

25/07/2017

Civil de Itapecerica prende quadrilha especializada em roubar condomínios

A Polícia Civil de Itapecerica da Serra prendeu nas primeiras horas da manhã desta terça-feira,...

24/07/2017

Empresário está desaparecido há cinco dias em Taboão da Serra

A família ainda não tem notícias do empresário Fábio Mariano Martins, que está desaparecido...

24/07/2017

Caminhão carregado com colchões e cama é roubado em Cotia

Um caminhão Iveco Dayli Branca de placa OLF-6650, carregado de colchões e cama foi roubado na...

21/07/2017

GCM de Itapecerica prendeu três homens e apreendeu dois caminhões após crime

A Guarda Civil Municipal de Itapecerica da Serra prendeu em flagrante nesta sexta-feira, 21,...

21/07/2017

Novos Guardas Municipais serão incorporados a GCM de Taboão

Aprovados no Concurso Público da Guarda Civil Municipal de Taboão da Serra uma nova turma de 29...

19/07/2017

Policial à paisana reage a assalto e deixe um morto em Embu das Artes

Um policial a paisana foi vítima de tentativa de assalto na noite da ultima segunda-feira (17)...

19/07/2017

Alckmin entrega 76 novas viaturas para reforço da frota da Polícia

O governador recebeu nesta quarta-feira, 19/07, da Secretaria Nacional de Segurança Pública...

18/07/2017

Três pessoas são presas ao tentar subornar PMs e Delegado em Taboão

Policias da CGP IV, efetuou na noite da última segunda-feira (17), a prisão de três pessoas...

18/07/2017

PRF captura na Régis Bittencourt homem procurado por estupro de vulnerável

A PRF conseguir efetuar a prisão de um homem acusado de estupro de vulnerável na manhã desta...

27/07/2017

Bairros de Embu das Artes recebem oficinas de horta

O bairro Santa Tereza, situado no extremo leste de Embu das Artes, município da Grande São...

27/07/2017

Sub-16 de Itapecerica conquista o terceiro lugar na 1ª Copa da Paz de Avaré

A seleção Sub-16 da escolinha de futebol da Prefeitura de Itapecerica da Serra conquistou o...

27/07/2017

Prefeitura de Embu implanta taxa do lixo para moradores da cidade

Com o argumento de que a arrecadação do IPTU é baixa e não é suficiente para garantir serviços...

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.