Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Polícia

Dupla que espancou homem em Embu já está no CDP

Por | 20/03/2012

natalia_ivan1

Foto: Juliana Cardilli/G1Natália e Ivan foram surpreendidos pelos agressores na madrugada de sábado

Os dois jovens de classe média alta, acusados de agredir brutalmente Ivan Romano de 43 anos, no centro da cidade de Embu das Artes, na madrugada do último sábado (17), enquanto ele passeava com sua namorada, já foram transferidos para o Centro de Detenção Provisória (CDP) de Itapecerica da Serra.

O motivo para tamanha brutalidade, é racismo, uma vez que a vítima na Delegacia contou que, a todo o momento, durante a agressão, os dois jovens acusados o chamaram de folgado, vagabundo, maloqueiro, preto amaldiçoado e “macaco, você vai morrer agora”. O crime chocou as cidades da região e foi tema abordado na sessão da Câmara de Taboão, na noite desta terça-feira.

De acordo com a Secretária de Segurança Pública (SSP), o caso será investigado pela Delegacia de Crimes Raciais e Delitos de Intolerância. A dupla foi indiciada por tentativo de homicídio e se condenados podem pegar de seis a vinte anos de cadeia.

O crime aconteceu na Rua Padre Belchior de Pontes (uma praça no centro histórico da cidade de Embu). A dupla começou a discutir com o homem e o agrediu com diversos golpes na cabeça, ele tentou fugir, mas foi alcançado e apanhou mais, até ficar inconsciente. A mulher dele (Natália) que estava no local pediu ajuda da Polícia Militar, que encontrou os dois rapazes, de 23 e 19 anos, fugindo do local do crime.

Imagens de câmeras de segurança da Prefeitura de Embu das Artes gravaram as agressões dos jovens. Confira matéria completa aqui

Comentários

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.