Saidinhas de banco atemorizam moradores e comerciantes do Pirajuçara

Por Direto da Redação do Jornal na Net | 15/07/2014

Os assaltos do tipo “saidinha de banco” são rotina nas imediações das agências bancárias do Bradesco, Itaú e Caixa Econômica localizadas na região do Pirajuçara, em Taboão da Serra. Moradores e comerciantes da região já presenciaram vários casos. Os relatos são comuns e se multiplicam. As chamadas saidinhas de banco deixam comerciantes e moradores com medo até mesmo de falar do assunto.

A reportagem do Jornal na Net esteve nas proximidades da Praça Luiz Gonzaga e conversou sobre o tema com moradores e comerciantes. Eles relataram que sentem medo de sacar valores altos nos bancos e questionam até o envolvimento de funcionários dos bancos, uma vez que o assaltante sabe o valor sacado e deixa isso claro quando anuncia o roubo.

“Temos muitas saidinhas de banco por aqui, tenho até medo de sacar dinheiro no banco. Dessa forma prefiro resolver a maioria das coisas pela internet porque considero ser mais seguro e no caso de sacar dinheiro faço pequenas retiradas”, afirma um morador que aceitou falar com a garantia de não ser identificado.

Em função do medo outros moradores e comerciantes preferiram não dar muitos detalhes sobre os crimes. Um comerciante afirmou “que nos dias de hoje é preferível não ver nada, não saber de nada e não falar nada”. De acordo com ele essa é uma medida de segurança para a própria pessoa e também para a família.  

Além de Taboão da Serra, outros locais da região também sofrem com as saidinhas de banco. Recentemente em Embu das Artes, um homem foi preso acusado de praticar o crime. Moradores da região foram procurados pela reportagem e o mesmo medo impediu que maiores informações fossem dadas.  Relembre aqui

Os moradores da região do Pirajuçara dizem que é necessário intensificar a segurança no bairro, uma vez que toda população sofre com essa questão.

Comentários