Redução de velocidade e semáforo na Av. Aprígio provocam polêmica e transtornos no trânsito

Por Da Redação do Jornal na Net | 27/06/2024

O limite de velocidade da Avenida Aprígio Bezerra da Silva, antiga BR – 116, que era de 80 km/h diminuiu para 60 km/h. A mudança obriga motoristas a estarem atentos para não ser multados.


As reações da população às mudanças no limite de velocidade, no fechamento da passarela de pedestre foram imediatas.

Moradores e motoristas que utilizam a avenida diariamente criticaram as mudanças, apontando um aumento significativo no trânsito.

"Antes, eu levava 20 minutos para fazer meu trajeto. Agora, com a redução da velocidade, estou levando o dobro do tempo", reclamou João Carlos, motorista que usa a via para ir ao trabalho.

O impacto não se limita aos moradores de Taboão da Serra. A Av. Aprígio Bezerra da Silva é uma importante rota para trabalhadores e moradores de cidades vizinhas da Grande São Paulo e da zona sul da capital.

"Trabalho em São Paulo e moro em Embu das Artes. O trânsito já era complicado, e agora está ainda pior. Estou chegando atrasado todos os dias", relatou Ana Sousa, que usa a via diariamente.

O transporte público também foi afetado pelas mudanças. Atrasos nas linhas de ônibus se tornaram frequentes, resultando em terminais e pontos de ônibus lotados. "Os ônibus estão demorando muito mais para passar, e quando chegam, estão lotados, relata Diva Moreira, usuária do transporte público.

Especialistas em trânsito também questionam a eficácia da redução de velocidade e defendem um estudo mais aprofundado para que não haja um congestionamento mais severo.

Comentários