Mortes e casos por Covid-19 desaceleram no mês de setembro em Taboão da Serra

Por Gabriela Pereira - Especial para o Jornal na Net | 2/10/2020

Taboão da Serra encerrou  setembro com desaceleração de mortes e de novos casos de coronavírus, segundo mostram dados divulgados pela Secretaria da Saúde. No mês, 8 pessoas faleceram em decorrência da doença, o que representa 2,94% do total de 272 mortes que a cidade tem desde o início da pandemia. Em agosto, o número de mortes registradas chegou a 57. 

A cidade ainda teve em setembro 499 diagnósticos positivos da doença, queda de mais de 800% se comparado com o mês retrasado, que registrou 4.671 novos casos, ou seja,  54% do total de 8.501 infectados na cidade até quarta-feira, dia 30. As confirmações positivas de setembro representam apenas 5,87% do total de casos. 

Como em agosto o número de moradores infectados foi maior, a tendência de cura também era mais alta. Ao todo, 5294 moradores receberam alta. Já em setembro este número caiu para 1.239. Até agora, a cidade tem 7981 pacientes curados e 248 que seguem em acompanhamento.

Outros 34 municípios aguardam o resultado do exame e outros 17.607 tiveram as suspeitas descartadas. Desde o início da pandemia, houve 26.142 de casos na cidade.

A UPA Akira Tada, que passou a atender os moradores com sintomas desde que o Hospital de Campanha foi fechado, 2.161 procuraram atendimento. Destes, 42 ficaram hospitalizados. Até esta terça-feira, dia 29, 6 permaneciam no local.

 

Comentários