Químico é preso por fabricar álcool em gel clandestino em Taboão da Serra

Por Redação | 20/03/2020

Atualização da matéria às 09h30

Policiais da Delegacia do Meio Ambiente prenderam nesta quarta-feira, dia 18, um químico, de 25 anos, que estava fabricando álcool em gel clandestino. A prisão aconteceu em uma empresa de produtos de limpeza no Jardim São Judas Tadeu, em Taboão da Serra.

O homem iria comercializar os produtos, já que o álcool em gel está escasso nos estabelecimentos comerciais devido à demanda causada pela pandemia do coronavírus. Agentes da Polícia Civil foram informados da produção caseira e foram até o local.

Lá, confirmaram que o álcool em gel estava sendo fabricado. O homem apresentou a documentação solicitada pelos policiais, mas ela já estava vencida. A empresa também não tinha registros na Vigilância Sanitária Municipal para comercializar o produto. Em buscas pelo local, foram localizados dois galões de quase 5kg de álcool em gel, além de diversos produtos químicos que seriam usados para a produção.

O homem foi preso em flagrante e encaminhado à delegacia, no entanto, foi liberado depois de pagar R$ 3.000,00 de fiança. Os produtos foram todos apreendidos e encaminhados ao Instituto Criminalístico, para checar qual o grau de periculosidade à saúde humana.

Comentários