Corpo de transexual assassinada é encontrado em terreno baldio de Embu-Guaçu

Por Redação | 16/03/2020

O corpo de uma transexual de 31 anos foi encontrada morta na manhã deste domingo, dia 15, em um terreno baldio do bairro Cipó, em Embu-Guaçu. Um homem que passava pelo local encontrou o cadáver e acionou a polícia.

A vítima, que usava uma calça jeans e uma blusa estampada, tinha um corte provocado por uma pancada na cabeça. No local, também foi apreendido pedaço de madeira azul, um cartão VR, um molho de chaves residenciais e uma capinha de celular rosa.

O pai da vítima a reconheceu e informou que, embora seu sexo biológico fosse masculino, ela se identificava com um nome social feminino. Ele ainda informou que soube pela cunhada que a filha se envolveu em uma discussão durante o trajeto de um centro espírita para outro.

Preocupado, o pai saiu de carro a sua procura e foi até o segundo centro para o qual ela se dirigia, mas não a encontrou. Segundo ele, a única informação que sem tem é que a filha foi seguida por dois homens ao retornar sentido supermercado Ayumi.

Ele não conhecia nenhum inimigo da filha que pudesse ter motivos para cometer o assassinato. O caso foi registrado na delegacia de Embu-Guaçu, onde foi instaurado inquérito policial para investigação.

Comentários