Plano de Desenvolvimento Integrado da Região Metropolitana é aprovado; documento abrange cidades da região

Por Redação | 26/04/2019

O Conselho de Desenvolvimento da Região Metropolitana de São Paulo aprovou na última quarta-feira, dia 24, o Plano de Desenvolvimento Integrado, que vai nortear o desenvolvimento das cidades metropolitanas. O documento contempla Taboão da Serra, Embu das Artes, Itapecerica da Serra, Embu-Guaçu, São Lourenço e Juquitiba.

As diretrizes do Plano servem para nortear de forma integrada o progresso das cidades no que diz respeito ao desenvolvimento socioeconômico, territorial, habitação, vulnerabilidade social, meio ambiente, saneamento básico, recursos hídricos e mobilidade urbana.

O processo do PDUI-RMSP foi coordenado pela Empresa Paulista de Planejamento Metropolitano com a participação do Governo Estadual, dos 39 municípios da região metropolitana e da sociedade civil.

Agora, com a aprovação do Conselho, o Plano deve seguir para a Assembleia Legislativa para ser transformado em Lei. Porém, caberá ao Executivo estadual enviar o PL para a apreciação no Legislativo.

Durante a reunião, Bruno Covas, prefeito de São Paulo, foi eleito presidente do órgão, sucedendo o prefeito de Santana de Parnaíba, Elvis Leonardo Cezar. A cadeira de vice será ocupada por Rogério Cardoso Franco, chefe do poder Executivo de Cotia.

 

Comentários