Celulares ilegais serão bloqueados pela Anatel em 10 estados do país este ano

Por Gabriela Pereira - Especial para o Jornal na Net | 25/09/2018

A Agência Nacional de Telecomunicação (Anatel) vai passar a bloquear celular irregulares em 10 estados brasileiros. A medida vale para aparelhos habilitados no dia 23 de setembro e as notificações já começaram a ser enviadas informando a restrição.

A primeira fase do Projeto Celular Legal, como é conhecida a medida, já bloqueou cerca de 41.827 aparelhos em Goiás e no Distrito Federal até junho deste ano. Agora, na segunda fase as restrições começarão no dia 8 de dezembro no Acre, Espírito Santo, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Paraná, Rio Grande do Sul, Rio de Janeiro, Rondônia, Santa Catarina e Tocantins Já a terceira fase, que abrangerá o nordeste e os demais estados da região sul e sudeste, começará em janeiro de 2019.

A decisão tem como objetivo coibir a compra de aparelhos adulterados, roubados, furtados ou extraviados. O bloqueio de celulares roubados já existe, mas antes, os aparelhos, mesmo bloqueados, voltavam a ser comercializados após serem adulterados, o que não ira mais acontecer.

De acordo com a legislação atual, todo o aparelho celular deve no país deve ser certificado pela Anatel ou ter uma certificação aceita por ela. Segundo a agência, os usuários que já têm aparelhos móveis irregulares habilitados não serão desconectados, caso não alterem o número.

Para saber seu celular está dentro das normalidades, basta digitar o 64. Se o número que aparecer, coincidir com o do IMEI registrado dentro da caixa, seu aparelho é regular. Caso contrário, as chances de ele ser ilegal são grandes.          

Comentários