Assembleia de São Paulo aprova para 2015 aumento do salário mínimo de R$ 905

Por Direto da Redação do Jornal na Net | 22/12/2014

A Assembleia Legislativa de São Paulo (Alesp) aprovou na última terça-feira, dia 16, o reajuste salarial de 11,75%, e dessa forma o salário minimo paulista de R$ 810 passa para R$905 em 1º de janeiro de 2015, em São Paulo. A mudança foi enviada para a Alesp no começo do mês pelo governador Geraldo Alckmin, para aprovação dos deputados. 

O reajuste do salário minimo paulista supera o minimo nacional, que prevê para o ano de 2015 aumento de 8,8%, e assim passa dos atuais R$724 para R$788,06. O minimo estadual beneficia os trabalhadores da iniciativa privada que não possuem piso salarial definido por lei federal, convenção ou acordo coletivo de trabalho. A estimativa é de cerca de 8 milhões de pessoas no estado se beneficiem com o aumento.

O piso regional foi criado em 2007 e regula o salário mínimo de trabalhadores da iniciativa privada que não sejam contemplados por remuneração mínima definida por lei federal, convenção ou acordo coletivo de trabalho. É o caso dos trabalhadores domésticos, serventes, auxiliares de serviços gerais, operadores de telemarketing, entre outros profissionais.

Comentários