Um sonho chamado Jornal na Net


Tudo começa com um sonho. Um desejo. Uma vontade forte de realizar. Foi de um sonho que o Jornal na Net nasceu. Era um sonho criar um veículo de informação regional forte e de credibilidade. Como ocorre com os sonhos houve quem achasse loucura, quem duvidasse, quem esperasse não acontecer e finalmente os que lutaram para concretizá-lo. Hoje já são quase 6 anos desse sonho que cresce a cada dia e conquista mais leitores em Taboão da Serra, Embu das Artes e Itapecerica. 

Mirando no farol da esperança e da fé  acreditei nesse sonho chamado Jornal na Net.  Desde o começo pedi a direção de Deus e segui trabalhando firme, forte, confiante e disposta a superar os obstáculos. Hoje, às vésperas de mais um aniversário, após muitas conquistas e a um passo de concretizar a reformulação que estamos fazendo para marcar nosso aniversário e nossa redação própria volto a pedir as bênçãos de Deus.  

Confesso que nunca esperei que esse sonho fosse fácil. Nem pedi que fosse. Minha experiência anterior de 6 anos na redação de um jornal diário não me deixava ter ilusões. Desde que esse sonho chamado Jornal na Net começou foram centenas de noites e madrugadas em claro, escrevendo, pensando em pautas, revisando textos, fazendo tudo para tocar um site de notícias regional. 

 O compromisso com o leitor é tão forte e tão sério que arranca a gente da cama, faz o sono ir embora e vence o cansaço. O compromisso com o leitor pauta a vida, impede que a gente tenha uma rotina como todo mundo e  nos faz adotar horários loucos. Há também perdas pessoais sérias. Deixar as pessoas que amamos esperando é uma delas.  

2014 será um ano próspero e marcante para o sonho chamado Jornal na Net. Além do novo layout teremos realizado o sonho de conquistar a redação própria. E como ocorre com os sonhos cada um que realizamos dá espaço a outros que inicialmente surgem em forma de desafio nos levando a constatar que é preciso sonhar, acreditar e lutar para concretizar.  

Se eu fosse boa com números talvez eu ficasse falando do crescimento dos acessos que graças a Deus e aos leitores é cada vez maior. Mas pra mim números são frios e prefiro feed backs mais humanos e românticos do tipo ser reconhecida na rua por leitores anônimos. Isso não tem preço. Tem valor incomensurável para mim que admito sem medo a importância do sentir, dizer e fazer. 

Eu acredito em sonhos. Sempre acreditei. Sempre vou acreditar e ter a convicção de que sonhar é estar vivo e cheio de vida. Deve ser por isso que ainda não desisti do sonho de ter uma imprensa regional forte e unificada com base no princípio de que Deus faz o sol nascer para todos.

Realmente acredito nisso e sinto orgulho, pois  nunca sonhei com o lugar dos outros, mas aprendi com meus grandes espelhos na vida, ainda criança, a confiar no poder da vontade aliada ao trabalho. Isso potencializa e realiza qualquer sonho. E pra mim sonhar é preciso  tanto quanto viver é preciso.


Enviar sua opnião

Aviso: No momento do cadastro são capturadas informações que possibilitam a identificação individual do usuário e de seu computador

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.