Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Saúde

Embu, Taboão e Itapecerica da Serra registram mais de 350 casos de dengue na região

Por Direto da Redação do Jornal na Net | 4/07/2014

dengue

DivulgaçãoCom temperaturas mais baixas, reduzem os casos de dengue na região. No entanto, mesmo com o frio muitos casos são confirmados. Conforme último boletim da Vigilância Epidemiológica, divulgado no dia 29 de junho, os dados acumulados desde o começo do ano confirmam 196 casos de dengue autóctone (contraídos na cidade), 37 importados e 42 contraídos em locais ignorados ou com análise em andamento. Foram descartados 110 casos investigados por meio de exame no Instituto Adolfo Lutz, que deram negativo para a doença.

Os casos autóctones, ou seja, contraídos na cidade estão distribuídos nos seguintes bairros: Mimás (43), Santa Tereza (34), Pinheirinho (31), Santa Emília (28), Vista Alegre (16), Fátima (11), Embu Centro (7), São Marcos (6), Santo Eduardo (6), Independência (5), São Luis (4), Dom José (3) e Valo Verde (2).

Em Itapecerica da Serra, de acordo com a Vigilância Epidemiológica são 175 casos notificados sendo eles 73 confirmados, 49 descartados e 53 em andamento pra confirmação por meio de exames. 

Já em Taboão da Serra, segundo informações da Secretaria da Saúde até maio foram registrados 102 casos na cidade.

Mesmo com as temperaturas mais baixas, os cuidados devem ser levados em conta. A ameaça de contaminação pelo Aedes Aegypti é preocupante também em dias frios.  Quando cai a temperatura, os casos de dengue começam a diminuir e parte da população deixa de tomar os cuidados necessários para prevenir a doença.

Cuidados

O mosquito coloca seus ovos em água limpa, mas não necessariamente potável. Por isso é importante jogar fora pneus velhos, virar garrafas com a boca para baixo e, caso o quintal seja propenso à formação de poças, realizar a drenagem do terreno. Também é necessário lavar a vasilha de água do bicho de estimação regularmente e manter fechadas tampas de caixas d'água.

Dengue Clássica

Os sintomas da dengue iniciam de uma hora para outra e duram entre 5 a 7 dias. Os principais sinais são:

Febre alta com início súbito;
Forte dor de cabeça;
Dor atrás dos olhos, que piora com o movimento dos mesmos;
Perda do paladar e apetite;
Manchas e erupções na pele semelhantes ao sarampo, principalmente no tórax e membros superiores;
Náuseas e vômitos;
Tonturas;
Extremo cansaço;
Moleza e dor no corpo;
Muitas dores nos ossos e articulações.

·

Comentários

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.