Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Política

Prefeito de Taboão acata propostas feitas pelo MST para alteração do Plano Diretor

Por Sandra Pereira | 1/07/2014

fernando_1

Arquivo Prefeito de Taboão da Serra Fernando Fernandes 

O prefeito Fernando Fernandes disse que vai acatar as propostas de mudança feitas pelo Movimento dos Trabalhadores Sem Terra durante a audiência pública realizada pela Câmara, no dia 28 – relembre aqui – para discutir as alterações no Plano Diretor de Taboão da Serra. Ele disse que o Executivo e Legislativo estão alinhados na discussão sobre o Plano Diretor.

 “O alinhamento com a Câmara em relação ao Plano Diretor é muito fino. Tudo que está indo lá para ser discutido tem uma discussão prévia na prefeitura é acordado. Não queremos impor nada estamos discutindo as possíveis mudanças, para que sejam mudanças que atendam a todos os anseios de toda população”, afirma o prefeito.

Sobre a área do Paulo  Colombo o prefeito disse ter feito acordo com Guilherme Boulos, do MTST para  deixar uma faixa de  Zona Especial de Interesse Social (Zeis)  mais voltada para o bairro, dentro do terreno onde a meta é construir um parque futuramente. Ele garante que a medida acordada vai permitir a redução do  adensamento e atender a demanda local do parque.

 Ainda de acordo, Fernando Fernandes a área da Niasi continua em discussão pelos vereadores devido propostas que não foram apresentadas por donos de áreas. Sobre a  verticalização o prefeito garante que isso irá acontecer sim, mas de forma organizada e descentralizada para que Taboão não sofra ainda mais essa mudança refletida no trânsito caótico, no entanto essa mudança não será imediata.

“Por hora não estamos mudando nada com relação à verticalização, aliás a tendência da cidade é verticalizar mesmo. Essa preocupação que eu tenho que essa verticalização não venha acontecer em um só lugar como aconteceu na cooperativa do Aprígio, uma bruta verticalização um bruto adensamento repentino no mesmo lugar que piorou muito o problema do trânsito ali no Taboão por causa dessa verticalização isso que nos não queremos”, garante Fernandes.

Comentários

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.