Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Política

Após queda na arrecadação Taboão põe pé no freio para manter contas em equilíbrio, diz secretário

Por Sandra Pereira | 28/05/2014

sla700

Sandra Pereira Secretário Adelço Buhrer apresentou prestação de contas do 1º quadrimestre durante audiência pública da Comissão de Finanças da Câmara Municipal

A prestação de contas do 1º quadrimestre da prefeitura municipal de Taboão da Serra realizada nesta quarta-feira, 28, mostrou que as contas do município estão equilibradas, mas não é possível fazer novos investimentos no momento. A situação financeira entrou em alerta graças a queda de arrecadação do ICMS decorrida do fechamento das empresas Niasi e Sorana Sul, e uma situação atípica vivida pela Novartis, que ampliou os estoques e teve baixa saída. Os dados apresentados durante audiência pública da Comissão de Finanças da Câmara de Taboão mostram que o total de receita do município no 1º quadrimestre é da ordem de R$ 211.578.708,46, enquanto o total de despesas é de R$ 181.322.202,26. 

De acordo com o secretário municipal da Fazenda, Adelço Buhrer Júnior, revelou que está 100% em dia com pagamento de fornecedores. Ele disse que no mês de abril a prefeitura tinha em caixa R$ 67 milhões, enquanto as dívidas totalizaram R$ 56 milhões, dos R$ 47 milhões está subjúdice, com a Iacta e a Viva Ambiental, e segundo o secretário causa uma situação incomum do ponto de vista contábil. 

“Como a dívida está em aberto gera uma situação desconfortável para o município. Essa dívida está sub júdice, não podemos pagá-la”, disse.

Adelço Buhrer afirmou que  28.54% de investimento do orçamento no quadrimestre na saúde. Segundo ele o orçamento anual vai superar os 32% do ano anterior. A legislação determina 15%. “Mas saúde quanto mais se investe mais e necessário”, afirmou. Já na educação o investimento feito até agora é de 21%.

“Estamos com o pé no freio. Não temos folga financeira. Mas não há previsão de queda de arrecadação no futuro. Estamos tendo o reflexo da queda na arrecadação agora. A prefeitura está fazendo um esforço grande ampliar a arrecadação e fazendo contato com as empresas para se instalar na cidade a fim de compensar as perdas”, explicou.

Ao ser questionado pelo vereador Ronaldo Onishi o secretário relatou que a prefeitura está 100% em dia com todas as obrigações trabalhistas e funcionais. “Tem um remanescente a ser pago, mas estamos com tudo em dia”, declarou.

Já em resposta a vereadora Joice Silva Adelço Buhrer salientou que até o mês de março a cidade arrecadou R$ 27 milhões com o Imposto Predial Territorial Urbano (IPTU).

O vereador Cido da Yafarma, presidente da comissão de Finanças, avaliou que o Plano Diretor obedece a vocação de cada região e favorece o desenvolvimento e arrecadação da cidade. “É trazendo mais empresas que vamos atrair mais recursos para investir na cidade. Essa mudança no Plano Diretor não pode ser alvo de discurso fácil. As áreas destinadas a moradia popular contempla 40 mil famílias. A verdade é que o Plano Diretor nunca foi discutido de forma tão ampla em audiência pública e com a participação de todos os vereadores”, afirmou.

albertocardoso

Querem economizar? mandem embora os puxa sacos, os livres nomeados(e olha que nao sao poucos) os apadrinhados (tambem sao muitos) garanto que sobra no minimo 25% do orçamento municipal. So mais uma perguntinha? Quanto custa o time de futebol o nosso "famoso" CATS, para nos contribuintes de Taboao da Serra. E ai alguem pode me responder?

Antonio Pereira

Essa história da saída da Sorana e Niasi da cidade não se justifica, pois, a prefeitura tem meios para arrecadar mais e melhor e não faz nada para que isso aconteça. Uma das formas de arrecadação seria criar uma funerária municipal na cidade e deixam esse filão ser explorado por empresas privadas.

cidadão

Pé no frio que piada, os nobres vereadores querem suas cestas básicas com produtos de qualidade e renome, os funcionários da câmara ganham em media 50% a mais do que um funcionário da prefeitura, ate hoje não sei porque isso acontece, e quem paga o pato e a população sem medico sem escolas, sem aulas, sem nada. E Brasil!!!!

J M

Pé no freio? Quem não conhece Taboão até imagina que vivemos num oásis de investimentos e melhorias por parte da prefeitura. A cidade está totalmente largada, mal cuidada, feia, violente, funcionários mal remunerados, sem iluminação pública adequada, vias mal sinalizadas, congestionamentos sem solução, sujeira por todos os lados, etc.

23/06/2017

Vereadores de Itapecerica pedem criação de 3º Companhia da PM

A segurança pública vem sendo tema frequente durante as sessões na Câmara Municipal de...

23/06/2017

Deputada Analice busca recurso para projeto Cultural

O prefeito Fernando Fernandes planeja colocar em funcionamento um Centro Cultural, que atenda...

23/06/2017

Analice busca solução para problema de transporte entre Embu e Itapecerica

Prefeitos e vereadores de Embu-Guaçu e de Itapecerica da Serra se uniram à deputada Analice...

23/06/2017

Alckmin participa de mutirão para migração de rádios AM para FM

O governador Geraldo Alckmin participou nesta sexta-feira, 23, junto ao ministro da Ciência,...

20/06/2017

Vereadores de Taboão da Serra aprovam LDO em 1ª votação em sessão movimentada

Os vereadores de Taboão da Serra aprovaram em primeira votação nesta terça-feira, 20, a Lei de...

19/06/2017

Comissão de Finanças da Câmara de Taboão discute LDO 2018

A Comissão de Finanças e Orçamento da Câmara Municipal de Taboão da Serra realizou na...

18/06/2017

Câmara de Taboão realiza ato “Fora Temer e a favor das Diretas Já”

Na última quarta-feira (14), foi realizada na Câmara de Taboão da Serra, uma plenária a favor...

16/06/2017

Câmara de Taboão faz Campanha do Agasalho para doar ao Centro POP

O frio chegou com força nas últimas semanas e deve continuar intenso pelos próximos meses. Para...

13/06/2017

Taboão da Serra terá plenária pelas Diretas Já nesta quarta-feira 14

Na próxima quarta-feira (14), várias organizações sociais irão realizar na Câmara Municipal de...

13/06/2017

Municípios paulistas recebem R$ 443 milhões em repasses de ICMS

O governo do Estado de São Paulo deposita nesta terça-feira, 13/6, R$ 443,11 milhões em repasses...

23/06/2017

Vereadores de Itapecerica pedem criação de 3º Companhia da PM

A segurança pública vem sendo tema frequente durante as sessões na Câmara Municipal de...

23/06/2017

Inverno chegou, vai fazer frio, mas temperaturas estarão na média

E o frio chegou, o inverno começou as 01h24 desta quarta-feira (21), para quem gosta de frio já...

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.