Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Educação

Universidade pública é meta dos alunos do Cursinho Popular de Pré-Vestibular Gratuito de Embu

Por Sandra Pereira | 26/05/2014

cursinho

Sandra PereiraAuditório do Valdelice ficou lotado na aula inaugural 

Cursar uma universidade pública de qualidade é o sonho da maioria absoluta dos jovens que vão estudar no Cursinho Popular de Pré-Vestibular Gratuito realizado pela prefeitura de Embu das Artes, por meio da Secretaria de Educação. Expectativa e sonho eram as palavras de ordem entre os jovens participantes da aula inaugural do cursinho realizada nesta segunda-feira 26, Centro Cultural Professora Valdelice Aparecida Medeiros Prass. Mirando no futuro eles disseram que pretendem agarrar a oportunidade dada pela prefeitura e fazer dela um meio de transformação de suas vidas.  Este ano, o cursinho recebeu 625 inscrições. Duas turmas foram selecionadas, totalizando 240 alunos em dois pólos (Valdelice e Paulo Freire).  

“Já participei do cursinho gostei e estou fazendo de novo. Meu desejo é me preparar para prestar vestibular nas faculdades públicas. Quero estudar Biologia que é um curso super, super interessante pra mim”, declarou Josiane Pinheiro de Araújo, 19 anos, moradora do Jardim Sílvia. 

Quem também sonha em estudar numa universidade pública de qualidade é o jovem Mateus Gonçalves Trindade, morador do Jardim da Luz. Ele sonha cursar medicina em uma universidade pública. “O ano passado fiz medicina não passei. Acabei entrando em Química, mas perdi o prazo da matrícula. Agora quero estudar para tentar medicina novamente”, contou. 

cursinho1 Alunos recebem material didático gratuito

“Quando vocês estiverem recebendo os diplomas de graduação esperamos que possam olhar para a nossa cidade com carinho e retornar para ela munidos pelo desejo de trabalhar para melhorá-la cada vez mais”, afirmou o secretário de Educação de Embu das Artes, Paulo Vicente dos Reis

Ele disse que o cursinho é uma das ações previstas na política de ensino capitaneadas pelos partidos de esquerda. 

“Estudar nesse país que hoje é menos desigual é luta para a vida inteira. É luta e não briga”, afirmou, o secretário lembrando o esforço feito pelo prefeito Chico Brito a fim de trazer uma universidade pública para Embu das Artes. 

A aula inaugural contou com a  presença de Sérgio José Custódio, graduado em Ciências Econômicas pela Unicamp e mestrado em Educação pela USP.

Ele é autor do livro “Caminho da Universidade”, estudo pioneiro sobre cursinhos populares e acesso à universidade no Brasil. O palestrante é representante da sociedade civil na Comissão Nacional de Acompanhamento e Controle Social do Prouni. Tema da aula inaugural: Acesso à Universidade do Brasil Contemporâneo.

Comentários

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.