Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Polícia

Saidinhas de banco se alastram nas cidades região: aprenda a se proteger desse crime

Por Sandra Pereira | 26/05/2014

google

Divulgação Região do Pirajuçara, em Taboão da Serra, é alvo frequente das chamadas saidinhas de banco

Cada vez mais comum nas cidades da região o crime conhecido popularmente como saidinha de banco muitas vezes acaba tendo um desfecho trágico. Na quinta-feira, 22, um sargento aposentado da Polícia Militar foi assassinado na região da Praça Luiz Gonzaga, em Taboão da Serra, vítima desse tipo de crime. Ele levou um tiro na cabeça. Os criminosos roubaram dinheiro e a arma do sargento - relembre aqui.

 Evitar os saques de quantias elevadas e estar atento são as únicas formas de evitar ser vítima de saidinha de banco, segundo a Polícia Militar.  Em Taboão da Serra o crime ocorre com freqüência na região central e no Pirajuçara. A incidência desse tipo de crime também se repete nos centros de Embu e de Itapecerica.

A principal orientação é para que os clientes utilizem os meios eletrônicos para a movimentação bancária. “Hoje existem facilidades para esse tipo de transação. Tem a Internet, tem as transferências eletrônicas e outros meios que os bancos oferecem para que o correntista não precise circular com dinheiro. O ladrão está atento e observando. Ele vai atacar aquela vítima que for mais fácil”, ressalta.

Quando não houver alternativa a não ser ter em mãos um valor maior de dinheiro, a recomendação da polícia é que os moradores tenham alguns cuidados.

As dicas são:

- procure um lugar reservado para fazer a contagem do dinheiro;
- evite a rotina nos saques como dia e horário;
- procure alternar rotas ao se deslocar com o valor para a casa ou empresa;
- guarde o dinheiro de maneira segura e discreta;

Comentários

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.