Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Polícia

Homem é espancado até a morte por populares, no jardim Leme, em Taboão

Por Sandra Pereira | 8/05/2014

homem

Rafael RezendeVítima foi espancada com golpes de pau, pedras, tijolos e vários objetos até morrer

Um homem identificado como Pedro Alves de Abreu de 53 anos foi brutalmente assassinado após ser linchado por populares na rua João Del Porto, no Jardim Leme, em Taboão da Serra no fim da tarde desta quarta-feira, 7. O crime pode ser um exemplo da recém propagada “justiça com as próprias mãos” já que o homem teria sido responsável por um assassinato, mas a informação não foi confirmada. A vítima foi brutalmente espancada até a morte. Passava das 17 horas quando o fato ocorreu.

O caso pode ser similar ao da mulher espancada e morta no Guarujá após boato de que seria sequestradora de crianças ter se propagado no Facebook. 

Segundo a GCM a vítima tem uma passagem pela Justiça. Ele estava caminhando pela rua quando foi abordado por cerca de 70 pessoas que promoveram o linchamento munidos de paus, pedras, blocos de concreto e tijolos. Quem viu as cenas do linchamento se surpreendeu com a violência do grupo que tirou a vida da vítima. 

O SAMU ainda tentou socorrer a vítima que não resistiu aos graves ferimentos e faleceu ainda no local. 

Há boatos de que a vítima teria assassinado um homem na região, mas ninguém tem informação precisa a respeito.  No local do crime as pessoas se recusavam a comentar o fato.

O caso foi registrado na delegacia central de Taboão e será investigado pela polícia. Ninguém até o momento foi preso. A GCM apreendeu pedaços de pau e tijolos que os agressores usaram para cometer a barbárie.

Comentários

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.