Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Política

Servidores municipais de Taboão mobilizam vereadores para lutar por reajuste

Por Sandra Pereira | 29/04/2014

servidores

Sandra Pereira Vereador Moreira pediu a realização de campanha de prevenção contra a dengue

Cansados de esperar pelo reajuste salarial que não é concedido há 17 anos servidores públicos municipais que estiveram na sessão da Câmara Municipal de Taboão demonstraram toda a insatisfação da categoria na sessão desta terça-feira, 29. Por diversas vezes eles interromperam os discursos dos vereadores para cobrar ajuda deles na pauta do sonhado aumento salarial para a categoria. Os servidores mais antigos reclamaram que já vai fazer 18 anos que os funcionários públicos não recebem aumento salarial.

Na presença dos servidores foi aprovado por unanimidade requerimento pedindo estudos para aumentar os vencimentos. Os vereadores se empenharam em agradar a categoria falando da importância do funcionalismo público, dizendo apoiar  o pedido de aumento e enaltecendo o trabalho que os funcionários realizam. As palavras de consolo deles  não ecoaram na categoria.

O presidente da Câmara acalmou os ânimos. Explicou que não há nenhum projeto tramitando na Casa para conceder aumento aos servidores. Adiantou que na próxima semana haverá uma resposta da reunião que a Câmara propôs entre a categoria e o governo municipal.

“É importante dizer que não tem projeto tramitando. Que ninguém aqui prometeu nenhum aumento. Nós queremos trabalhar com a verdade e não podemos enganar ninguém. Fizemos aqui a aprovação de um requerimento do vereador Luiz Lune, mas não podemos dar garantias de que haverá aumento”, disse o presidente.

De acordo com o vereador Moreira o requerimento que pedia estudos para conceder reajuste aos servidores estava na pauta da Casa desde 2013. Ele lembrou que em 1º de maio completa 18 anos que a categoria não recebe aumento salarial.

Já o vereador Ronaldo Onishi salientou a importância do trabalho que os servidores municipais realizam. Disse que os mesmos são responsáveis por funções essenciais na cidade, o que o faz merecer o reajuste. Cido da Yafarma afirmou que irá apoiar a categoria na luta pelo reajuste e lembrou que essa é uma bandeira antiga do seu mandato.

Dengue


Os vereadores entraram na guerra travada contra o mosquito transmissor da dengue.  Eles pediram que a administração  realize campanhas de combate ao Aedes Aegypti, lamentaram a morte da jovem que faleceu com suspeita doença e pediram que os moradores se unam para eliminar o mosquito.

Moreira pediu a realização de campanha de prevenção contra a dengue. Ele relatou que somente na casa dele houve três casos da doença. Segundo o vereador, a mãe dele, o padrasto e a filha foram acometidos pela doença.

A vereadora Érica Franquini anunciou que fará audiência pública da Comissão de Saúde da Câmara Municipal no dia 8 de maio às 15 horas.

Na parte final da sessão o vereador Cido da Yafarma falou que mais de 700 pessoas já se inscreveram  na corrida do São Judas, que será realizada no dia 01 de maio a partir das 9 horas da manhã.&8203;

Comentários

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.