Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Política

Governo rebate denúncias contra atuação da SPDM em Taboão da Serra

Por Sandra Pereira | 15/04/2014

reuniao

Sandra PereiraEquipe de governo rebateu informações e apresentou dados do contrato entre a prefeitura de Taboão e a SPDM

O prefeito Fernando Fernandes reuniu a secretária de Saúde, Raquel Zacainer, os vereadores de sua base e os médicos Nancime Salomão Mansur e Jorge Salomão, integrantes da Sociedade Paulista de Medicina (SPDM) para rebater as denúncias feitas contra a atuação da entidade que administra o HGP, a UPA, o pronto Socorro do Antena e o Pronto Socorro Infantil em Taboão da Serra. As denúncias foram tornadas públicas por meio do jornal Hoje que voltou a circular em Taboão depois de quatro meses. O grupo rechaçou as denúncias consideradas mentirosas. Afirmou que houve má fé do veículo e revelou que pretende adotar medidas judiciais. O prefeito não poupou críticas ao jornalista e ex-secretário de Comunicação, Mário de Freitas, autor da matéria, a quem acusou de estar tentando arranjar emprego na prefeitura.  

Fernando Fernandes ressaltou que as denúncias tentam denegrir a imagem de uma entidade com mais de 80 anos reconhecida nacional e internacionalmente. O prefeito disse que a saúde é prioridade do governo, lembrou avanços, admitiu as dificuldades e disse que a meta é continuar investindo e trabalhar mais. 

“A saúde está no cerne do nosso governo. Isso é uma obsessão para nós. Toda semana faço visita em todas as unidades de saúde. Converso com os pacientes e desde sempre nosso objetivo é melhorar. Pro nosso governo a saúde é uma obsessão constante”, afirmou o prefeito, acrescentando que reconstruir a saúde é mais complicado do que montar um sistema eficiente. 

Fernandes desmentiu a informação de que a SPDM foi contratada para atuar nas unidades de saúde de Taboão sem licitação. Ele relatou que a contratação da entidade seguiu o modelo determinado pela Lei 9.567/98 que criou o chamado concurso de projetos. 

Sobre a forma como foi feita a entrega dos jornais contendo a denúncia durante a última sessão da Câmara o prefeito criticou a estratégia de tentar criar um problema político no Legislativo. Disse estar confiante na maturidade dos vereadores e na lealdade dos mesmos ao governo. 

“Começaram de forma errada. Com o tema errado e no lugar errado. Não sou hipócrita. Vou dar nomes. Isso é obra do Mário de Freitas. Ele quer ser secretário de novo na prefeitura. A tática  deles é soltar a matéria caluniosa no jornal Hoje, distribuir em alguns pontos e depois sair no Reaja Taboão como se estivesse dando uma notícia verdadeira. Essa é uma estratégia política”, sintetizou o prefeito.

“Eu acredito na câmara quando se trata de governabilidade. Isso é como uma cláusula pétrea. Não tenho medo que haja instabilidade nesse aspecto. Isso é uma pilastra. A saúde é uma pilastra para nós. A nossa obsessão”, completou.  

O médico Nancime Salomão Mansur, dirigente da SPDM, acusou a reportagem de equivocada. Negou que o Hospital Geral do Pirajuçara acumule a dívida citada no jornal. Afirmou que os balanços financeiros da SPDM atestam que não há problemas na gestão financeira do HGP. Ele também reclamou do pouco espaço de tempo dado para que a entidade respondesse aos questionamentos da reportagem. O médico disse que a atuação da SPDM é constantemente auditada e nunca sofreu nenhum tipo de condenação. Garantiu que a SPDM reúne todas as certidões negativas que atestam a sua idoneidade.  

“Em dezembro tivemos um déficit contábil em razão dos recursos só serem recebidos no mês seguinte. Uma simples análise dos balanços mostra que não temos problemas. Administramos o HGP há 15 anos e o Tribunal de Contas nunca rejeitou nossas contas”, disse.  

Nancime contou que o HGP tem 282 leitos incluindo 10 leitos de UTI adulto e 5 de UTI infantil.

Após uma reunião em que teve acesso aos contratos entre a prefeitura e a SPDM a vereadora Érica Franquini, presidente da Comissão de Saúde da Câmara, avaliou que as denúncias feitas não tem haver com a realidade de Taboão. Para ela as informações são inverídicas. A vereadora afirmou que não há razão para chamar audiência sobre o assunto já que as dúvidas existentes foram dirimidas. 

A reportagem do Jornal na Net tentou contato telefônico com o jornalista Mário de Freitas várias vezes mas ele não atendeu as ligações feitas para o seu telefone celular. 

ADÃO LUIZ RIBEIRO NUNES

Concordo plenamente com o caro Prefeito,Fernando Fernandes,essa matéria é um angú cheio de caroços e algo muito confuso e sem coerência,algo para ser divulgado,precisa ser claro e objetivo,sabemos que em época de eleição,sempre brota a semente da intriga desestabilizar quem quer que seja no governo e confundir a cabeça do coitado eleitor,o importante é que todos estão reunidos para solucionar a causa e isso é muito importante para esclarecer a sociedade,essa entidade é respeitável e de uma referência ao Estado de São Paulo e não pode ser manchada desta forma.

Thor

Bom dia,veja a fala do FFF..... modelo determinado pela Lei 9.567/98 que criou o chamado concurso de projetos. Se o nobre prefeito é tão claro e transparente porque???? não realiza uma licitação a Lei n°8.666/93 é mais rígida né rsrsrsr.....Uma clara ingerência no legislativo veja fala do Prefeito... Disse estar confiante na maturidade dos vereadores e na lealdade dos mesmos ao governo. Lealdade ao governo e contra o povo.... uma vergonha.... são falas do prefeito ta tudo dominado.Reaja Taboão!!!!!!

Yasmin

ETA GOVERNINHO FRACO SEM MORAL SERA QUE O FF se acha importante ou deus ?

Roberto pereira

termo que saber a verdade por que os vereadores que era para investiga não faz nada

Gomes

As matérias que foram divulgadas no jornal Hoje são verdadeiras e o atendimento não melhorou coisa alguma, a demora para ser atendido na UPA é de até 06 horas e a qualidade dos profissionais que contrataram deixa a desejar. Pintar paredes e fazer puxadinhos não se melhora a saúde das pessoas com improviso. Quem não acredita, basta procurar esses locais.

Mário de Freitas

Bom dia, editores! Em nenhum momento disse que o contrato da Prefeitura Municipal de Taboão da Serra com a Sociedade Paulista para o Desenvolvimento da Medicina - SPDM está irregular. Por enquanto não. O fato está estampando em todos veículos de comunicação sério e só investigar. Recentemente a SPDM foi alvo de criticas em Santa Catarina. Quem atesta as irregularidades são os Tribunais e não o jornal que apenas reportou. Quem disse para o prefeito que estou querendo voltar para a prefeitura? Está equivocado. Precisa analisar melhor o seu fornecedor, da qual pagou mais de R$ 20 milhões em apenas três meses de contrato. Estou a disposição para responder qualquer pergunta. Muito obrigado! Mário de Freitas Diretor executivo do Jornal Hoje em notícias

27/04/2017

Justiça concede liminar para tentar barrar greve geral em ônibus e metrô

Numa tentativa clara de barrar a greve geral contra as reformas da Previdência e Trabalhista,...

27/04/2017

Câmara aprova proposta de reforma trabalhista; texto segue para o Senado

Após quase 14 horas de sessão, a Câmara dos Deputados concluiu, na madrugada desta quinta-feira...

26/04/2017

Vereadora Priscila Sampaio fará pedágio contra o jogo Baleia Azul em Taboão

Preocupada com a disseminação do trágico jogo virtual baleia azul, que já levou vários...

26/04/2017

Vereadores de Taboão aprovam regulamentação do uso da sede da Câmara Municipal

Os vereadores de Taboão da Serra aprovaram por unanimidade na sessão desta terça-feira, 25,...

26/04/2017

Senado aprova em 1º turno fim do foro privilegiado de políticos e autoridades

Senado aprovou nesta quarta-feira (26), em primeiro turno, a proposta de emenda à Constituição...

26/04/2017

Temer decide cortar ponto de servidores que entrarem em greve

O presidente Michel Temer decidiu que cortará o salário dos servidores que participarem da greve...

25/04/2017

Bom Prato de Taboão começa a funcionar nesta quarta (26) com almoço a R$ 1,00

O prefeito de Taboão da Serra, Fernandes Fernandes Filho, anunciou no começo da noite desta...

22/04/2017

Taboãoprev presta contas de 2016 em audiência da Comissão de Finanças da Câmara

A Autarquia Previdenciária do Município de Taboão da Serra (Taboãoprev) realizou prestação de...

21/04/2017

Câmara de Embu aprova multa a pichação, criação da Romu e título a Fábio Teruel

Os vereadores de Embu das Artes aprovaram nesta quarta-feira, dia 19, aplicação de multa a...

27/04/2017

Justiça concede liminar para tentar barrar greve geral em ônibus e metrô

Numa tentativa clara de barrar a greve geral contra as reformas da Previdência e Trabalhista,...

27/04/2017

Câmara aprova proposta de reforma trabalhista; texto segue para o Senado

Após quase 14 horas de sessão, a Câmara dos Deputados concluiu, na madrugada desta quinta-feira...

27/04/2017

Taboão começa a elaborar Plano de Mobilidade em audiência pública no Cemur

Atendendo a Política Nacional de Mobilidade Urbana e a Lei 12.587/2012, que estabelece a...

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.