Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Transporte e Trânsito

Jornal na Net flagra acidente e acompanha resgate das vítimas na BR em Embu

Por Sandra Pereira | 9/06/2010

acidente_br_350_1.jpg

Equipe do Jornal na Net acompanha resgate de vítimas na Régis

Os acidentes de trânsito estão se tornando uma triste rotina na Régis Bittencourt, no trecho urbano das cidades de Taboão, Embu e Itapecerica. Nas últimas semanas quase diariamente, foram registrados sinistros na rodovia. No início da semana a reportagem do Jornal na Net flagrou mais um acidente na Régis Bittencourt, dessa vez na altura de Embu das Artes e acompanhou o trabalho heróico e tenso das equipes de resgate do Corpo de Bombeiros, da Autopista Régis Bittencourt, que administra a rodovia, e das Polícias Militar Rodoviária Federal (PRF).

“As pessoas precisam ser mais cuidadosas no trânsito. Esse acidente aqui teria sido evitado se o motorista tivesse ligado a seta para mudar de faixa. A pressa, a imprudência e o desrespeito as Leis de Trânsito são as principais causas de acidentes com vítimas”, descreveu o sub-tenente Garcia do Corpo de Bombeiros que comandou o resgate das vítimas.

Segundo ele os acidentes acontecem quase diariamente na rodovia, mas nunca são tratados como rotina. A cada nova ocorrência a necessidade de socorrer as pessoas o mais rápido possível move os Bombeiros com uma agilidade e habilidade que deixam os curiosos impressionados.

“Nossa prioridade é a vida das pessoas. A perda material não é nada quando comparada a uma vida humana”, afirmou o capitão.

O acidente do começo da semana teve quatro vítimas de uma mesma família. O resgate deles foi acompanhado por dezenas de curiosos. O trânsito ficou parado por vários minutos. O veículo em que eles estavam ficou completamente destruído após colidir com um caminhão, que praticamente nem sentiu os efeitos da pancada. 

Mesmo na manhã fria os homens do Corpo de Bombeiros transpiravam. Concentrados, eles tinham como objetivo principal a meta de retirar os quatro passageiros do veículo o mais rápido possível.

As cenas cortavam o coração de quem acompanhou o trabalho de resgate. Os primeiros a ser retirados do veículos foram dois adolescentes que estavam no banco traseiro. Em seguida foi retirado o motorista. A mulher que ocupava o banco de passageiros foi a última a ser retirada do veículo. Ela permaneceu consciente durante todo o resgate. Os olhos traduziam todo o medo, ansiedade e a confusão de sentimentos que ela certamente sentia. 

Para alívio das equipes de resgate, do motorista do caminhão e das pessoas que acompanharam todo o trabalho de resgate as quatro vítimas foram socorridas rapidamente e levadas para o Pronto Socorro Central de Embu. Felizmente, nesse caso o maior dano foi a perda total do veículo.

Comentários

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.