Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Política

Vereadores de Itapecerica criticam a superintendente de Saúde Dra. Dalva Amin

Por Ane Greice Passos | 19/03/2014

dentroitap18.03

Genildo RochaAlex Pires crítica secretarias de Itapecerica da Serra e pede que a Secretária da Autarquia Dra. Dalva Amin respeite os vereadores 

A sessão ordinária desta terça-feira, 18, teve duras críticas a secretária de saúde Dra. Dalva Amin. Foram 24 requerimentos endereçados para a secretaria solicitando prestação de contas que variavam entre: explicações sobre contratação de funcionários e gastos com as Unidades Básicas de Saúde (UBS) da cidade. Os vereadores pediram que o prefeito Chuvisco batesse na mesa e mostrasse para os secretários que quem manda na cidade é ele.

“O governo do Chuvisco é mal assessorado. As pessoas estão enfiando a faca nele, são um bando de traíra”, disse Edicarlos Sangue Bom.

Além do vereador Sangue Bom, que é um opositor ferrenho do governo e já demostrou sua insatisfação com o secretariado da cidade. Alex Pires foi a surpresa da noite, ao subir na tribuna para falar da situação do bairro Vila Geni, que sofreu com uma enchente na última quarta-feira, 12, e o descaso do atendimento do secretariado da cidade.

“Na última quarta-feira (12), teve uma forte chuva na Vila Geni e a água chegou a 2 metros. Eu tentei ligar para a defesa civil para pedir ajuda e nada, ai quando cheguei no centro tinha uma viatura parada. Fui cobrar as secretarias para me ajudar e nada. Para a inclusão pedimos cestas básicas, porque tinha gente passando fome e não mandaram. Liguei pedindo colchão e me enviaram 3, para o bairro todo. Vou ter que ir verificar se tem que comprar mais colchão para a cidade”, disse indignado. 

Alex Pires, que não é de falar nas sessões, se mostrou indignado com a situação e pediu para que a secretária de inclusão verificasse o que está acontecendo. “Eu não quero cesta básica para minha casa, quero para o povo”.

O vereador também falou sobre a Dra. Dalva, com quem já teve um atrito em uma prestação de contas da autarquia neste ano. Assim como os seus colegas de Casa, Alex está indignado com a postura da secretária de saúde.

“Quero falar para a secretária Dalva ter o mínimo de respeito com os vereadores. Ela falou aqui que quem contratou ela foi o Chuvisco e não a gente. Não tenho medo dela e de ninguém, porque nunca a ofendi, só fiz perguntas”.

Sem citar nomes Alex afirmou que tem secretário que falou que vai matar vereador na unha e estão desrespeitando os vereadores. Ele ressaltou que não está ali para “fazer média com ninguém” e pediu que o prefeito batesse o martelo e mostrasse quem manda é ele e não os secretários e nomeados. “Acho que tem muito cacique na prefeitura”, finalizou o vereador, após ser aplaudido pelos moradores presentes na sessão.

O presidente da Câmara Cicero Costa, se mostrou indignado com a situação da saúde na cidade, ele citou um fato que ocorreu na última segunda-feira, 17, no pronto socorro do Jacira. Que devido a não ter médicos para atendimento, houve um tumulto e uma funcionária acabou sendo agredida.

Cicero afirmou que em todos os anos como vereador nunca viu uma secretária receber 24 requerimentos com questionamentos e solicitações e chegou a lembrar o prazo que os documentos devem ser respondidos. “Aviso a secretária de saúde Dalva que ela tem 15 dias para responder todos os questionamentos do legislativo e prestar contas da sua secretaria” explicou.

O presidente da câmara parabenizou as palavras de Alex Pires e afirmou que não irá aceitar que nenhum secretário destrate os vereadores, principalmente dentro da Câmara. Mesmo ausente na ocasião em que a secretária de saúde teve um atrito com os vereadores, Cicero disse ter assistido a sessão pela internet e se mostrou indignado com a “falta de postura da Dra. Dalva” e afirmou que se ela não sabia responder as perguntas, anotasse e explicasse depois.

“Não vamos mais aceitar brincadeiras, chacotas e disse que me disse, tanto da superintendente da autarquia de saúde como dos outros secretários”, afirmou.

Cicero deixou claro para as pessoas que não querem trabalhar por Itapecerica, que peçam demissão e livrem a cidade. Ele deixou ainda um recado.

“Quero dar um recado para essas pessoas que falam que vão nos esmagar que nem piolho. Cuidado, vocês podem ser esmagados”, e complementou. “O prefeito não pode tirar nenhum vereador, mas um vereador, dependendo da situação, pode destituir um administrativo inteiro”, afirmou. 

Ainda nesta terça-feira os vereadores votaram pelo veto apresentado por Ramon Corsini, e falaram sobre conquistas e verbas que conseguiram para cidade. Gerson Lazarin agradeceu a Deputada Analice Fernandes que conseguiu uma emenda para revitalização do CDHU da Praça Formosa, no Parque Paraíso.

Edicarlos Sangue Bom agradeceu o seu partido PDT que liberou uma verba para cidade no valor de R$ 460 mil e contou uma novidade na câmara.

“Meu partido lançou meu nome para pré-candidato a deputado estadual, conto com o apoio dos meus amigos vereadores”.

Os vereadores Hércules da Farmácia, Trolezi e Prof. Ernandes também falaram na tribuna.

Comentários

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.