Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Transporte e Trânsito

Arteris expande atuação de projetos sociais e educacionais

Por Assessoria de Imprensa | 12/03/2014

dentrotransito

Assessoria de ImprensaProjeto Escola, reconhecido pela ONU, será realizado também no Rio de Janeiro, Paraná, Santa Catarina e Minas Gerais, além de São Paulo

O Projeto Escola Arteris, realizado em escolas públicas do interior de São Paulo, será realizado também pelas concessionárias de rodovias federais do grupo, a partir de 2014. A iniciativa faz parte da expansão das ações sociais e educativas da Arteris, que também levará para essas rodovias o programa Viva Saúde, focado na qualidade de vida do caminhoneiro, e passará a realizar o Viva Meio Ambiente também no interior de São Paulo. Até então, a ação de conscientização ambiental era realizada apenas nos trechos cortados pelas BRs.
Desde 2001, o Projeto Escola Arteris atua visando a humanização do trânsito por meio da educação e do convívio social. Realizado junto a alunos dos ensinos infantil, fundamental, médio e EJA (Educação de Jovens e Adultos), desenvolve a noção de responsabilidade com a vida, buscando um trânsito mais cidadão e seguro. Os educandos, sensibilizados pelas ações realizadas ao longo do ano letivo, retransmitem o aprendizado aos pais, familiares e às comunidades em que vivem. O Projeto já atingiu mais de 300 escolas públicas municipais e estaduais, 54 municípios paulistas, nove mil educadores capacitados e 175 mil estudantes. E é parte do catálogo da ONU de Boas Práticas Corporativas de Respeito e Apoio aos Direitos da Infância - o Pacto Global.
Segundo Maria José Finardi, coordenadora do Projeto Escola Arteris, as atividades preliminares para a implementação do Projeto nos trechos das concessionárias federais já foram iniciadas. “Já estamos em contato com as Secretarias Municipais de Educação de algumas cidades, como Campos dos Goytacazes (RJ), para que o programa possa ser levado às escolas que já realizam o Viva Meio Ambiente, além de cinco outras novas”, disse.
Em seguida, para o início efetivo das atividades, representantes e educadores das escolas participantes passarão por uma capacitação – que é promovida anualmente. Durante o treinamento, irão vivenciar situações enfrentadas no trânsito, a fim de desenvolverem soluções responsáveis para enfrentá-las. “Trata-se de uma imersão criativa sobre como trabalhar a conscientização no trânsito em todas as disciplinas da grade escolar – desde a matemática até a educação física”, comenta Maria José. “Na capacitação e – depois – nas atividades escolares, os educadores terão o suporte de diferentes recursos pedagógicos, como revistas em quadrinhos e material audiovisual”.
Programas ‘Viva’
Em 2014, a Arteris também levará o Viva Saúde – ação focada na qualidade de vida do caminhoneiro – para as rodovias federais que administra. Durante a ação, os condutores têm acesso a dicas para prevenção de acidentes, atendimento médico, vacinação, dosagem de glicemia, aferição da pressão arterial, avaliação física e orientação postural, exames cardiológicos, dosagem de colesterol e índice de massa corpórea (IMC), entre outras avaliações de saúde.
O Viva Saúde é realizado desde 2001 pelas concessionárias de rodovias estaduais da Arteris. Cento e trinta campanhas foram promovidas desde então, com mais de 93 mil motoristas atendidos, cerca de 260 mil exames realizados e quase 76 mil vacinas aplicadas. “Este ano, 13 ações serão realizadas no interior de São Paulo e nos trechos administrados no Rio de Janeiro, Minas Gerais, Paraná e Santa Catarina, com a previsão de atender seis mil caminhoneiros”, conta o responsável pelo programa, Luciano Louzane. “Com o Viva Saúde, garantimos um pouco mais de qualidade de vida aos condutores, além da prevenção e do diagnóstico de doenças”.
Além de expandir suas ações de conscientização para as rodovias federais, a Arteris também está levando uma ação específica das federais para as rodovias estaduais: o Viva Meio Ambiente, premiado pelo Instituto Chico Mendes em 2013. Realizado desde 2009, também junto a escolas públicas, o programa é composto por ações educativas contínuas em prol da preservação dos recursos naturais. Já alcançou 132 escolas públicas, de 67 municípios, e mais de 3.200 professores e 50 mil estudantes.

19/04/2018

Entra em vigor lei que aumenta pena para motorista embriagado

Entra em vigorar n

17/04/2018

Detran-SP cria aplicativo que permite que se faça indicação de condutor com self

O Departamento Estadual de Trânsito de São Paulo (Detran-SP) lançou um aplicativo que permite ao...

15/04/2018

Câmara Municipal debate segurança para vans escolares em Taboão da Serra

A Comissão Permanente de Segurança Pública da Câmara Municipal de Taboão da Serra realizou na...

12/04/2018

Assaltantes jogam pedras em veículos que trafegam na BR para forçar parada

Criminosos jogaram pedras contra ônibus, caminhões e carros que trafegam pela rodovia Régis...

11/04/2018

Sobreviventes de acidente da Régis serão ouvidos pela polícia no hospital

Os três sobreviventes do acidente ocorrido na madrugada da última segunda-feira 9, na Rodovia...

09/04/2018

Acidente de carro com 6 ocupantes bateu, capotou e deixou 3 mulheres mortas

Um grave acidente deixou pelo menos três mortos e três feridos na madrugada desta segunda-feira,...

29/03/2018

Régis Bittencourt terá operação especial para feriado de Páscoa na BR-116 SP/PR

A Arteris Régis Bittencourt, concessionária que administra a BR-116 entre São Paulo e Curitiba,...

27/03/2018

Temer sanciona lei que regulamenta aplicativos de transporte público

O presidente Michel Temer sancionou hoje (26), sem vetos, a lei que regulamenta os serviços de...

19/04/2018

Entra em vigor lei que aumenta pena para motorista embriagado

Entra em vigorar n

18/04/2018

Fórum São Paulo premiou Promotores do Desenvolvimento eleitos em votação direta

Com a presença de várias autoridades e homenageados, o Fórum São Paulo e o Grupo Organizado de...

18/04/2018

Senado aprova projeto que obriga escolas a combaterem bullying

O Senado aprovou, nesta terça-feira (17), o projeto que obriga as escolas a desestimularem seus...

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.