Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Cotidiano

Homem é levado por correnteza após cair em rio de Itapecerica da Serra

Por Ane Greice Passos | 7/03/2014

dentroalagamentodentrocerta_1

Ane Greice PassosEdivar Marques Carneiro de 54 anos, aciu no rio na noite desta sexta-feira, 07. Corpo de Bombeiros está realizando buscas no local.

Um senhor de 54 anos foi levado pela correnteza na noite desta sexta-feira, 07, após cair em um rio que cruza a Avenida Eduardo Roberto Daher (próximo ao colégio 8 de maio), em Itapecerica da Serra. Edivar Marques Carneiro estava em cima de uma ponte olhando o alagamento, quando se desequilibrou e caiu na água. Moradores contam que tentaram socorrê-lo, mas não conseguiram.

Pessoas que estavam no local na hora da tragédia tentaram socorrer Edivar, mas devido ao grande volume de água e entulhos que são trazidos pela enchente, não conseguiram. “Ele estava no bar com a gente olhando a chuva, foi quando escorregou e caiu, nós tentamos socorrer mais ele sumiu na água”, disse Francisco Martins.

Daniel Rodrigues também tentou ajudar. Ele e alguns amigos correram para a outra parte do rio, mas não conseguiram localizar Edivar. “Nós tentamos socorrer, mas não deu tempo”, disse.

O filho da vítima Edivan de Lima Carneiro chegou ao local, momentos depois do ocorrido, ele mora no bairro do Jardim Sampaio com sua família. “Temos que esperar até amanhã. Eu recebi a notícia que ele tinha caído pela minha mãe e vim para cá”, disse.

Edivan contou ao Jornal na Net que já foi na delegacia realizar um boletim de ocorrência, mas devido às fortes chuvas e impossibilidade de buscas, foi orientado a esperar até o início do próximo dia, 08, para notificar o desaparecimento.

O responsável pela defesa civil de Itapecerica da Serra Mauricio Rocha foi até o local do acidente. Ele falou para o Jornal na Net que um dos maiores motivos de ocorrerem enchentes na região é a dificuldade  terminar as obras no rio, devido a problemas com o proprietário de um terreno particular.

“Precisamos alargar o pedaço que vai do 8 de maio até a BR 116. É um terreno particular e o dono aterrou o local.  Estamos aguardando a autorização para fazer os trabalhos”, disse Mauricio Rocha. 

O corpo de bombeiros está realizando as buscas e ajudando os moradores, que residem nas proximidades, a chegarem as suas casas. A escuridão e o nível da água dificultam o trabalho do resgate. 

dentroalag2

Comentários

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.