Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Política

Câmara do Embu tem parceria inusitada e críticas sobre ação da PM

Por Ane Greice Passos | 27/02/2014

dentrocmembu

Genildo RochaVereador Jabá do Depósito, brinca a parceria entre Doda e Ney Santos

A 4° sessão da Câmara Municipal de Embu das Artes desta quarta-feira, 26, foi marcada por parceria inusitada entre os vereadores Doda Pinheiro e Ney Santos. Os políticos, da base do governo e oposição, indicaram um projeto que visa a reforma da escola municipal Amilton Suga Galego, localizada no Jardim Valo Verde.  A noite contou ainda com aprovação de quatro projetos de lei e críticas do presidente da Casa sobre a ação da PM contra moradores, durante o protesto realizado, na noite de terça-feira, 25.

A parceria entre o presidente Doda e vereador Ney Santos, causou risos e um certo ciúme na Câmara Municipal de Embu das Artes. Alguns vereadores questionaram o motivo de não serem incluídos no projeto. Gilvan da Saúde e Edvânio Mendes chegaram a comentar a possibilidade de todos da Casa assinarem a indicação.

Ao contrário dos outros vereadores, Jabá do Depósito arrancou risos dos vereadores e presentes na câmara, ao fazer uma piada sobre o colega da oposição Ney Santos ser bem-vindo a base do governo. 

"Eu me sinto contemplado pela indicação dos nobres vereadores, não só pela obra, mas eu me sinto feliz, porque além da obra nós temos aqui o mais novo vereador da base (do governo) Ney Santos", brincou Jabá.

O vereador Doda agradeceu a brincadeira, ressaltando a importância de trabalhar pelo bem da cidade. Na mesma noite, o presidente fez críticas a postura da PM na manifestação que ocorreu na última terça-feira, 25, em protesto as enchentes ocorridas devido ao transbordamento do córrego João Cachoeira. Os moradores reivindicaram colocando fogo em objetos na Rua Marcelino Pinto Teixeira, os munícipes chegaram a ser contidos pela polícia militar.

Doda Pinheiro soube da manifestação por seus colegas vereadores e repudiou o ocorrido, tratando a medida da PM como desqualificada. "A PM veio dar suporte e devido o fogo mandou a Tropa de Choque agir. E tinha muito mais policiais militares do que moradores na ação", afirmou.

O vereador destacou a postura Doutor Pedro Buk, que contribuiu para que os moradores não sofressem repressão Policial. Doda classificou a ação da PM como despreparada.

Comentários

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.