Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Cotidiano

Enchente deixa rastro de destruição em Taboão da Serra e Embu

Por Sandra Pereira | 23/01/2014

ajaja

Sandra PereiraMoradores retiraram móveis destruídos de suas casas e fizeram protesto no meio da rua. Revolta foi geral

A enchente provocada pela forte chuva desta quarta-feira, 22, deixou um verdadeiro rastro de destruição na região. Milhares de famílias viram a água e a lama invadir suas casas e destruir em instantes o fruto do trabalho de suas vidas. Em vários bairros de Taboão da Serra e Embu das Artes centenas de moradores perderam tudo na enchente considerada pelos habitantes mais antigos a pior das duas últimas décadas. Quando a água começou a entrar nas casas os moradores tentaram salvar o que podiam. Veja fotos da tragédia aqui. Assista aqui vídeo que morador gravou da água invadindo sua casa.

Em Taboão da Serra o bairro do Clementino foi duramente castigado. Todas as ruas do bairro foram invadidas pela água que transbordou do Córrego Pirajuçara. A água cobriu a passarela de pedestres instalada sobre o córrego. A rua Nicolau Gentile foi a mais afetada. Houve desespero entre os moradores. A revolta não demorou a ocorrer e a população queimou no meio da rua objetos destruídos pela enchente. 

foto_dentro

ai

“Moro na rua João Antônio da Fonseca há 28 anos e sempre tem enchente. Esse ano não deu pra salvar nada. A água veio até o teto. Perdemos tudo. O piscinão estava cheio”, desabafou Vanessa Kizionomura. Ela disse que a parte do Marabá e o Jardim Leme ficaram ilhados. 

Na Kiazemon Takeuti a água e a lama invadiram sem piedade residências e comércios. Ao longo de toda a avenida vários estabelecimentos foram totalmente destruídos. No Leme a enchente também atemorizou a população. O problema se repetiu no Sílvio Sampaio. 

Em Embu das Artes as regiões  do Casa Branca, Macedônia, Independência, Santa Tereza, Jardim Fabiana, Parque Luíza, Valo Verde, Fátima e Jardim do Colégio foram totalmente devastadas e centenas de moradores perderam tudo. O desespero fez muita gente participar de protestos. Num deles no Jardim Casa Branca a polícia usou bombas de gás e até balas de borracha. 

No Jardim Novo Campo Limpo, também em Embu a enchente levou embora o asfalto e até algumas casas. Centenas de residências foram tomadas pela água e a lama.
Sem saber o que fazer muitos moradores pediram ajuda nas redes socais e lamentaram ter perdido tudo na enchente.

11º

geovana russo weronka

enho mais fotos da onde moro sao crueis

10º

Henrique

É uma situação muito triste tendo em vista que todos anos são disponibilizados recurso do Governo Federal e Estadual para manutenção e sempre os recursos somem. E quem acaba pagando como sempre somos nos.

erivaldo alencar

temos de cobrar desses LADROES que só querem nossos votos .. mais a população também tem cupa .. você só ver neguinho jogando SOFÁ VELHO COLCHÃO tudo quanto e lixo no rio quando a forte chuva vem a primeira casa alagar e a dele temos de cobra dos nossos governante mas também temos de colaborá

jose carlos ferreira de proença

Felipe vc disse bem mudam governo e nada e resolvido só que no EMBU DAS ARTES não muda o governo a 13 anos esta na hora de mudar estes projetos se e que tinha projeto???

Kelen

Pois é todo ano é assim ! Vi MERCADOS gramdes como o LOPES no Jardim Casa Branca sendo tomado pela Agua. E o Governo de embu , Cadê o Prefeito Chico Brito ? REVOLTANTE !!!!!

raynara

jesus possa ta abeçoando neste momento dificil

Iara

Fala-se muito, na culpa do governo, eles tem muita culpa sim, mas a população tem sua parcela de culpa,por jogar lixo em qualquer lugar, se vc esta ai dizendo, - Eu nunca joguei lixo na rua!, amigo uma bituca de cigarro ou papelzinho,já é o suficiente. Vamos fazer nossa parte tbm!!!

Flávia D

"Pirou, Jussara? Pendurar a Vovó no Banheiro?!

Karina

Revoltante essa situação. Esse ano o nível da água subiu bem mais, muito lixo e lama. muitas pessoas perdeu quase tudo. Todo ano é a mesma coisa, e ninguém faz nada pra reverter essa situação. Temos q ficar limpando a sujeira dos outro. meu pai perdeu quase tudo no comercio dele. lamentável. Agora o que resta e tentar recuperar o prejuízo.

lucas santos

Em embu das arte teve a. Mesma situaçao na eatrada do jd vazame destruio tudo ate minha casa a emchente tomou comta

felipe - embu

Passam os anos,mudam os governos e nada é resolvido. Realmente a impressão de que nossos prefeitos gostam de tragédia mesmo...

19/09/2017

"Encontro" de motoqueiros tira a paz de moradores do Saint Morritz aos domingos

Faz três domingos consecutivos que os moradores do jardim Saint Morritz, em Taboão da Serra,...

18/09/2017

Boehringer Ingelheim abre vagas de estágio na unidade de Itapecerica da Serra

A Boehringer Ingelheim, empresa de origem alemã que está entre as principais farmacêuticas do...

17/09/2017

Pai da deputada Analice, seu Avenir Fernandes, morre aos 79 anos

O pai da deputada estadual e vice-presidente da Assembleia Legislativa de São Paulo, Analice...

17/09/2017

PhotoTruck da ImageMagica levou fotografia e reflexão a alunos de Embu

“Você pode ser fotógrafo em casa, precisa apenas de olhar”. É como Gabriel, aluno de Osasco...

15/09/2017

Prefeitura de Taboão e Sebrae oferecem palestras de empreendedorismo

Se você é empresário ou pretende abrir o próprio negócio, uma boa oportunidade é participar das...

14/09/2017

Incêndio destruiu Centro de Distribuição dos Correios de Itapecerica da Serra

A sede do Centro de Distribuição Domiciliar (CDD) dos Correios de Itapecerica da Serra, situada...

12/09/2017

Negar o próprio sofrimento é uma das razões que podem desencadear o suicídio

O suicídio é uma consequência extrema de questões não problematizadas. É desta maneira que o...

07/09/2017

Público lotou arena Multiuso no desfile de 7 de setembro em Taboão da Serra

Os alunos da rede pública de Ensino de Taboão da Serra fizeram bonito no tradicional desfile de...

05/09/2017

Itapecerica da Serra está de luto pela morte Maurício Rocha, da Defesa Civil

O Coordenador Municipal de Proteção e Defesa Civil da Prefeitura de Itapecerica da Serra,...

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.