Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Meio Ambiente

Revitalização do Parque das Hortênsias leva mais de 50 pessoas às ruas em Taboão

Por Sandra Pereira | 12/01/2014

parq600

Sandra PereiraMovimento marchou da praça Nicola Vivilechio até o parque das Hortênsias debaixo de sol forte

O ato realizado em favor da revitalização do Parque das Hortênsias reuniu  55 pessoas em marcha da praça Nicola Vivilechio, no centro de Taboão até a porta do parque. A baixa adesão popular não expressou o tamanho da mobilização criada no Facebook, e nem mesmo a necessidade antiga de investimentos no local. Desde 2011 são realizadas mobilizações pedindo a revitalização do parque e melhorias na qualidade vida dos animais. O Ministério Público interveio e foi firmado um Termo de Ajuste de Conduta (TAC) no qual constam várias obrigações da prefeitura, que só agora devem ser atendidas. No final de 2013 a revitalização voltou à pauta após a divulgação das mortes de felinos no zoológico. 

Mesmo representando uma causa justa a mobilização deste sábado acabou sendo marcada por fatos negativos. Houve discussão entre os organizadores, que por muito pouco não acabou em confusão, tentativa de intimidação à imprensa, barrada por um integrante do Psol, José Afonso, já habituado na condução de atos como o desse sábado. Outro fato marcante foram as críticas, que se aproximaram de acusações, contra meios de comunicação da cidade, sem a citação expressa de quais seriam. A polícia acompanhou todo o ato distante.

Já no final da marcha uma jovem que participava da mobilização chamou a atenção de todos ao lembrar que o ponto central do ato seria a garantia urgente de melhoria das condições de vida dos animais que vivem no parque. A moça disse que a solução ideal para os animais de grande porte seria o envio para santuários onde poderão viver em ambientes mais adequados e com qualidade de vida. Ela lembrou que desde 2010 a imprensa regional divulgava matérias retratando a precariedade do parque e o descaso com os animais. 

“A prioridade na revitalização tem que ser o bem estar dos animais e não a reforma física. O ideal é retirar os animais e levá-los para santuários. Não está correto começar a reforma pelo piso ou pelo parquinho. Temos que priorizar a vida dos animais”, ponderou Gabriela Tolentino de Sá.

Desde 2012 a jovem trata da questão do parque com integrantes de órgãos ambientais pedindo explicações sobre as condições de vida dos animais e pedindo mais atenção ao espaço e a vida animal que o habita. 

Mas, apesar dos dissabores da manifestação desse sábado, 11, o movimento de Revitalização do Parque Hortênsias já é vitorioso. Uma semana antes da saída às ruas a prefeitura de Taboão prometeu iniciar as obras impostas no TAC. Também já está sendo dada como certa a transferência da leoa Helga para um santuário em Jundiaí nos próximos dias. O mesmo poderá ocorrer em breve com outros animais.

 Além disso, um dos principais pedidos do movimento, a divulgação dos laudos atestando as causas das mortes do leão, dois tigres e de uma jaguatirica que habitavam o parque, ocorridas em 2013 poderá ser atendida por solicitação da Comissão de Meio Ambiente da Câmara Municipal que já requisitou as informações. 

Por meio do Facebook o presidente da Comissão, vereador Ronaldo Onishi, informou que requereu as informações e se comprometeu a torná-las públicas logo que as receber. Ele também disse ter solicitado informações do inquérito policial que apura o descarte de uma carcaça de leão num terreno baldio do Jardim Record. 

Também por meio do Facebook moradores reclamaram de não terem sido avisados da manifestação. Apesar de toda a divulgação que o evento teve. Integrante da organização Claunir Lins chegou a lamentar a baixa adesão, mas disse que o movimento cumpriu seu papel.

Ao longo de todo o percurso num carro de som os organizadores criticaram a gestão do prefeito Fernando Fernandes, bem como a administração do parque e falta de condições adequadas para os animais.

Rodolfo silva

Bom o único parque que tem vocês querem fecharem para fazer prédio, só pode se piada. Apoio o movimento por que se a gente na brigar pelos nossos direitos ninguém faz nada, a gente paga um monte de impostos, e para resolver os problemas do município de Taboão da Serra.

Geni Tolentino de Sa

A prioridade deve ser dada aos animais, primeiro transferir todos eles para santuários, isso é respeitar a vida. Depois sim transformar a área sempre mantendo as árvores e jardins que também são vida e aí sim, usar a área para eventos culturais e lazer. SOFRIMENTO DE ANIMAIS NÃO É DIVERSÃO PARA NINGUÉM !

Gabriela Tolentino de Sá

Sandra, muito obrigada por mencionar nossa prioridade na matéria, e falar sobre a questão do santuário!! Lembrando que não apenas os animais de grande porte, mas todos eles, teriam as melhores condições de vida se enviados a um santuário. Respeitando essa prioridade, claro que o parque deve se manter como espaço de lazer da população, permitindo quem sabe, projetos culturais, entre outros.

ANDRE MORELLO

teria que fechar esse parque demolir e fazer alguns prédios ninguém nem vai nessa parque CHOCHO.. Careta..

12/05/2017

Prefeitura de Itapecerica realiza limpeza no Jardim das Oliveiras

A Secretaria Municipal de Obras e Serviços, por meio da Regional do Jardim Jacira, finalizou a...

09/05/2017

Morador do centro de Embu cobra poda de árvore há 5 anos

Há cinco anos, Luiz Carlos Lombardo solicita a poda ou remoção de árvores na Rua Belo Horizonte,...

04/05/2017

Empresa é acusada de descartar lixo hospitalar em afluente do rio Embu-Mirim

Uma empresa que segundo as informações iniciais faz a coleta de lixo hospitalar nas cidades de...

27/04/2017

Alckmin quer garantir preservação em área que abastece Embu e Itapecerica

O governador Geraldo Alckmin encaminhou à Assembleia Legislativa o Projeto de Lei 199/2017, que...

25/04/2017

Embu das Artes terá palestra gratuita sobre conservação de animais silvestres

No próximo dia 29 de abril, o município Embu das Artes, na Região Metropolitana de São Paulo,...

05/04/2017

Tratamento de esgoto com plantas é alternativa para evitar poluição dos rios

As informações são da palestra “Introdução ao Saneamento Ecológico”, ministrada por Rodolfo...

05/04/2017

Carreta da Sabesp proporciona conhecimento, conscientização e diversão á Itapece

Uma parceria da Prefeitura de Itapecerica da Serra com a Sabesp trouxe para a cidade a Exposição...

30/03/2017

Cooperzagati recebe antigas TVs de tubo até 5 de abril em Taboão

O desligamento do sinal analógico de televisão em São Paulo nesta quarta-feira, 29 de março, fez...

29/03/2017

Administração Jorge Costa reforça Coleta Seletiva em Itapecerica

Dar uma destinação ao lixo produzido no diaadia é um dos grandes desafios dos municípios na...

28/03/2017

Carreta Somos Água estará aberta à visitação gratuita em Embu-Guaçu

Nesta terça e quarta-feira (28 e 29) em Embu-Guaçu. Já nos dias 30 e 31, a carreta estará em...

27/05/2017

Prefeito Fernando Fernandes e deputada Analice inauguram abrigo municipal

O prefeito Fernando Fernandes e deputada estadual Analice Fernandes inauguraram na quinta-feira,...

27/05/2017

Atividades marcaram o Dia da Luta Antimanicomial em Taboão da Serra

Durante todo o mês de maio uma equipe de saúde mental da Secretaria de Saúde de Taboão da Serra...

27/05/2017

Alunas da Escola de Moda, Beleza e Estética participam de workshop na Mart’bel

55 alunas do curso de Cabeleireiro da Escola Municipal de Moda, Beleza e Estética de Taboão da...

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.